Preço médio da gasolina sobe em maio e fecha mês em R$ 7,54

Etanol tem avanço ainda mais firme e preço chega a R$ 6,12 em maio; combustíveis acumulam forte alta nos últimos 12 meses

0

O preço médio do litro da gasolina fechou maio a R$ 7,54 no país. A saber, esse valor corresponde a uma leve alta de 0,67% em relação a abril. Apesar de tímido, o avanço pressiona ainda mais o rendimento dos motoristas do Brasil, que vêm sofrendo com os altos preços dos combustíveis nos últimos tempos.

Por sua vez, o etanol teve uma alta bem mais expressiva em relação a abril, de 3,14%. Com isso, o concorrente direto da gasolina nas bombas do país chegou a R$ 6,12. A propósito, os dados fazem parte do último levantamento do Índice de Preços Ticket Log (IPTL), divulgado nesta terça-feira (31).

“Em relação ao início do ano, o motorista brasileiro já está pagando 9,8% mais caro no litro da gasolina e 6,3% a mais pelo etanol. No comparativo com um ano atrás, os acréscimos chegam a 30% para a gasolina e a 26,9% para o etanol, segundo o último levantamento da Ticket Log”, disse Douglas Pina, diretor-Geral de Mainstream da Divisão de Frota e Mobilidade da Edenred Brasil.

Leia Também: Petrobras não reajusta gasolina há mais de 70 dias; preço vai subir?

Saiba quais regiões do país têm os combustíveis mais caros

De acordo com o levantamento, nenhuma região do país registrou queda no valor dos dois combustíveis em maio. Assim como ocorreu em abril, o Nordeste teve o maior preço médio para a gasolina em maio (R$ 7,64), alta de 0,80% em relação ao mês anterior. Por outro lado, o menor preço médio foi registrado na Região Sul, a R$ 7,19.

Embora a população do Sul tenha se beneficiado da gasolina mais barata, isso não aconteceu com o etanol. Segundo o levantamento, o Sul comercializou o etanol mais caro do país, com um preço médio de R$ 6,30, alta de 3,13%. Dessa forma, superou a Região Norte, que havia liderado o ranking nacional em abril.

Em contrapartida, o Centro-Oeste teve o etanol mais barato do país em maio, custando em média R$ 5,67, alta de 1,58% em um mês.

Douglas Pina também revelou que o etanol foi mais vantajoso em apenas quatro estados em maio. Veja abaixo quais são:

  • São Paulo;
  • Minas Gerais;
  • Goiás;
  • Mato Grosso.

Apesar de o etanol ser vantajoso em poucos locais, o resultado foi melhor que o de abril, quando o etanol só foi vantajoso em Goiás e Mato Grosso, de acordo com Pina.

Por fim, o indicador faz um levantamento dos preços de 21 mil postos credenciados da Ticket Log. Aliás, esta é a marca de gestão de frotas e soluções de mobilidade da Edenred Brasil.

Veja ainda: Auxílio-Gasolina de R$ 300: projeto aguarda votação na Câmara

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.