Nordeste tem os combustíveis mais caros do país; veja preço médio nas regiões

Levantamento da ANP revela que diesel, gasolina e etanol foram comercializados com o preço médio mais alto no Nordeste na semana passada

0

Os brasileiros enfrentam muitos desafios para abastecer seus veículos no país. Nos últimos tempos, os combustíveis tiveram fortes altas, e o preço segue elevado em todas as regiões brasileiras. Aliás, encontrar postos com valores mais acessíveis se tornou uma tarefa muito complicada, principalmente na região Nordeste, que tem os combustíveis mais caros do país.

A saber, o preço médio do diesel chegou a R$ 7,01 no país na semana passada. O valor ficou levemente superior ao registrado na semana anterior, e esse avanço interrompeu duas quedas consecutivas.

Essa alta semanal só aconteceu devido ao Nordeste, onde o preço subiu 0,96%. Nem mesmo as quedas registradas no Norte (-0,85%), no Centro-Oeste (-0,24%) e no Sudeste (-0,17%) impediram o avanço nacional. Já o Sul manteve estabilidade.

Veja abaixo os valores médios do diesel nas regiões brasileiras:

  • Nordeste: R$ 7,16;
  • Norte: R$ 7,14;
  • Centro-Oeste: R$ 7,12;
  • Sudeste: R$ 6,92;
  • Sul: R$ 6,87.

Entre as Unidades Federativas (UFs), o Acre apresentou o maior preço na semana passada (R$ 7,79). Por outro lado, os motoristas puderam encontrar o diesel mais barato do país no Espírito Santo (R$ 6,75).

Além das dificuldades em abastecer o veículo devido aos preços elevados do diesel, os motoristas do país podem sofrer com a falta do combustível. Projeções do mercado indicam que há risco real de desabastecimento do diesel entre agosto e outubro, período em que há pico de consumo no país.

A propósito, o governo vem se movendo para que isso não aconteça, mas o risco existe. Seja como for, a população deverá sofrer com o diesel mais caro, uma vez que as opções do governo, de aumentar o estoque e de elevar o percentual do biodiesel na mistura obrigatória ao diesel, deverão elevar os preços do combustível.

Gasolina e etanol também são mais caros no Nordeste

Da mesma forma, o Nordeste lidera o ranking de preços mais altos tanto da gasolina quanto do diesel. Em resumo, o preço médio nacional da gasolina chegou a R$ 7,25 na semana passada. Entre as regiões brasileiras, o combustível subiu no Centro-Oeste (+2,34%) e no Nordeste (+1,81%), mas caiu no Norte (-0,85%), no Sudeste (-0,42%) e no Sul (-0,08%).

Confira abaixo os preços médios da gasolina na semana em cada uma das regiões brasileiras:

  • Nordeste: R$ 7,49;
  • Centro-Oeste: R$ 7,40;
  • Norte: R$ 7,21;
  • Sudeste: R$ 7,16;
  • Sul: R$ 7,07.

Já o preço médio do etanol caiu para R$ 5,00 no país graças às queda registradas no Sudeste (-2,25%), no Sul (-2,05%), no Norte (-0,63%) e no Centro-Oeste (-0,60%). O biocombustível só subiu no Nordeste (+2,30%).

Com estas variações, o preço médio do etanol chegou aos seguintes patamares nas regiões brasileiras:

  • Nordeste: R$ 6,05;
  • Norte: R$ 5,83;
  • Sul: R$ 5,40.
  • Centro-Oeste: R$ 4,98;
  • Sudeste: R$ 4,83.

Estes resultados mostram que o motorista que abastece o veículo no Nordeste sofre com os altos preços dos combustíveis. No entanto, não há como negar que os preços estão elevados em todo o país. E a expectativa é que haja ainda mais altas nesta semana.

Leia também: Senado aprova proposta que limita cobrança do ICMS; veja como isso afeta sua vida

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.