Investidor-anjo: o que é e como conseguir um?

0

Uma das melhores formas de fazer o seu negócio crescer é contando com a experiência de um empresário experiente. E no Brasil existem diversos empresários bem sucedidos que, atualmente, buscam comprar outras empresas em diversos setores. Eles fazem parte da categoria do investidor-anjo, que possuem uma função importante na sua empresa.

Por isso, contar com um investidor-anjo pode ser o que falta para o seu negócio crescer. Dessa forma, hoje vamos falar sobre essa modalidade de investimentos e como essas pessoas podem ajudar você a ter uma empresa ainda maior.

O que é um investidor-anjo?

No mercado de empresas, existem diversas formas de fazer a empresa crescer. Isso porque, vale lembrar, as maiores empresas do mundo um dia foram pequenas empresas que funcionavam em salas com poucas pessoas. E para a sua empresa crescer, normalmente o maior problema é a falta de dinheiro para a realização de projetos. Aí que entra o investidor-anjo.

Isso porque o investidor-anjo é um empresário de sucesso que já tem conhecimento de mercado e tem recursos próprios para financiar negócios com potencial de crescimento (as chamadas startups). Ao comprar um negócio, esse investidor dá dinheiro diretamente para a empresa. Com esse valor, a empresa investirá nas áreas mais importantes para o crescimento ou naquelas áreas que mais geram receita. Em troca, o empresário quer uma parte minoritária da empresa. Por isso, ele não faz parte do conselho administrativo da empresa e também não ocupa nenhum cargo de liderança.

Contudo, o investidor-anjo pode ser uma excelente fonte de informação, atuando como conselheiro e mentor do dono da startup adquirida. E essa troca de informações é bastante importante para a empresa crescer. Por outro lado, caso o investidor não veja que a empresa está crescendo, ele pode fazer cobranças aos conselheiros. Dessa forma, é preciso pensar bem antes de ir atrás desse tipo de parceria.

investidor-anjo
Foto: Reprodução

Como encontrar um?

Para conseguir um investidor-anjo, o empresário precisa ter em mente que será necessário apresentar, de forma convincente, a empresa. Isso porque investidores não colocam seu dinheiro em negócios que não darão lucro. Além disso, é preciso mostrar dados concretos e sólidos para que os novos parceiros do seu negócio se interessem pela sua empresa.

Por isso, é preciso fazer uma apresentação com os principais dados e indicadores da empresa. Nela, é legal mostrar o crescimento passado da empresa, as principais inovações do seu negócio e, claro, as perspectivas para o futuro.

Após isso, achar um investidor-anjo é bastante simples. Isso porque ele pode ser qualquer pessoa do ciclo de convivência do dono da startup. Além disso, existem diversos encontros de inovação no mundo que permitem o contato direto entre investidores e empresas. Por último, existem empresas especializadas em captação de investimentos para empresas em crescimento.

Dessa forma, antes de ir atrás do investidor-anjo, certifique-se de que a sua empresa está, de fato, crescendo e superando a média do mercado. Além disso, tenha projetos concretos, com dados e taxas de crescimento para o futuro.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.