Piso vinílico ou laminado: veja as diferenças e qual o melhor para você

0

Quando as pessoas pensam em colocar tons de madeira no piso, há uma diversidade de opções de revestimento! Desde cerâmicas, até porcelanatos. Contudo, o que fica parecido mesmo é o vinílico ou o laminado. E, geralmente, quem vai comprar um, fica em dúvida entre ele e o outro, porque seu visual é bastante parecido quando falamos dos amadeirados. Por isso, leia essa matéria para saber a diferença entre esses pisos e qual é o melhor para você!

Como utilizar sofás e poltronas na decoração corretamente

Piso vinílico

O piso vinílico é feito de PVC e tem textura emborrachada, ou seja, mesmo imitando madeira, não tem nada de madeira dele! Vale lembrar que existem vinílicos de diversas cores e texturas, não só a amadeirada, apesar dela ser mais popular. Ou seja, esse piso é muito versátil!

Uma das facilidades do piso vinílico é que ele é colado no local, ou seja, não precisa arrancar todo o revestimento que você já tem para utilizá-lo. Basta colá-lo por cima! Exceto em sua verão clicada, que, para passar por manutenção, deve ser desmontada por inteiro.

O piso vinílico é muito bom para isolamento acústico, especialmente em apartamentos, que têm moradores no andar de baixo. Além disso, ele ajuda bastante no isolamento térmico! E também é resistente à água quando seco assim que ela cai sobre ele, sendo ideal para áreas molhadas e para quem tem pets.

Para que ele seja colocado, o local deve ser bem preparado e deve estar retinho, já que sua espessura é muito fina e varia de 2mm a 5mm. Por isso, pode aparecer bastante se ficar mais alto em uns pontos do que em outros. Além disso, com a variação da espessura, há também variação na qualidade: quanto mais espesso, melhor a qualidade e maior o tráfego que ele aguenta.

Séries sobre decoração para te inspirar a decorar sua casa

O piso laminado

O piso laminado não só se parece com madeira, como possui em sua composição um material derivado de madeira. É justamente a camada desse material que caracteriza a resistência do piso. Ou seja, quanto mais espessa ela for, mais resistente é o piso.

Sua espessura já é maior do que a do vinílico, variando entre 7mm e 8mm. Esse tipo de piso possui pouca resistência à água e estraga se molhar muito. Portanto, nada de utilizá-lo em áreas molhadas! Assim como o vinílico, sua instalação pode ser sobre outros pisos, contudo, uma peça sua é encaixada na outro.

Isso significa que a manutenção dele é um pouco complicada. Isso porque ele deve ser removido por completo para fazê-la. Além disso, não tem jeito de trocar uma peça só desse piso: ele deve ser trocado por inteiro quando for a hora. Contudo, ao retirá-lo, ele pode ser reaproveitado em qualquer lugar. Basta encaixá-lo de novo!

Esse tipo de piso é menos indicado para quem tem pets, porque ele arranha fácil, ao contrário do vinílico. Além disso, se o pet fizer xixi e ficar lá por muito tempo, isso pode danificar o piso. Contudo, o laminado é bem resistente ao pisoteio e tem uma ótima durabilidade. Sua instalação também deve ser sobre pisos bem retos, limpos e secos, para que fique perfeita.

Como organizar melhor a sua rotina diária

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.