Bolsonaro diz que novo presidente da Petrobras dará ‘nova dinâmica’ para preços dos combustíveis

Caio Paes de Andrade foi o quarto presidente indicado por Bolsonaro desde que o chefe do Executivo chegou ao Palácio do Planalto

0

Jair Bolsonaro (PL), presidente da República, afirmou nesta segunda-feira (27) que o novo presidente da Petrobras, Caio Mário Paes de Andrade, chegou na estatal para dar uma nova dinâmica aos preços dos combustíveis na gestão da empresa.

Conheça o 5º presidente da Petrobras no governo Bolsonaro

Assim com publicou o Brasil123, Caio Mário Paes de Andrade, que chega para substituir José Mauro Coelho, que permaneceu 68 dias no comando da empresa, será o quarto presidente da empresa desde que Bolsonaro assumiu o Palácio do Planalto.

Todas as trocas no comando da companhia aconteceram por pressões do próprio governo, logo após a estatal anunciar que iria reajustar os preços dos combustíveis – Caio Mário Paes de Andrade foi aprovado pelo Conselho de Administração da Petrobras.

“Pode ter certeza, hoje o Caio está tomando posse lá na Petrobras, teremos uma nova dinâmica também na Petrobras na questão dos combustíveis no Brasil”, afirmou Bolsonaro durante entrevista coletiva nesta segunda.

“Tudo vai ser analisado na conformidade, na base da lei, sem querermos mexer no ‘canetaço’ na Lei das Estatais, sem querer interferir em nada, mas com muito respeito, com muita responsabilidade, fazendo com o que o Brasil realmente se alavanque”, afirmou o chefe do Executivo.

Caio Paes de Andrade é eleito na Petrobras com o objetivo de segurar reajuste dos combustíveis
Caio Paes de Andrade foi o quarto presidente indicado por Bolsonaro desde que o chefe do Executivo chegou ao Palácio do Planalto. (Foto: reprodução)

Apesar de Bolsonaro afirmar que o novo presidente já foi empossado, a assessoria de imprensa da Petrobras divulgou uma nota informando que Caio Mário Paes de Andrade assumirá a presidência somente depois que assinar o termo de posse, cuja data ainda não foi informada.

Até lá, acionistas minoritários tentarão barrar a posse de Andrade. A Associação Nacional dos Petroleiros Acionistas Minoritários da Petrobras (Anapetro), inclusive, entrou com uma representação na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) contra a nomeação do executivo para a presidência da estatal.

Leia também: Auxílio para caminhoneiros pode ter custo de quase R$ 3 bilhões ao governo

5/5 - (2 votes)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.