Parcela extra do Auxílio Brasil: o que é e quem pode receber?

Veja quem tem direito a parcela extra do Auxílio Brasil

0

Há uma parcela extra do Auxílio Brasil que pode ser paga ainda em 2022. Ela corresponde ao Benefício Composição Gestante (BCG) e pode chegar a R$ 465 por mulher. 

O objetivo deste abono, que constitui a parcela extra do Auxílio Brasil, é assegurar a proteção de mães e bebês. Portanto, foi liberado pelo Ministério da Cidadania para o pagamento.

Entendendo o Auxílio Brasil

O Auxílio Brasil foi criado no fim de 2021 para substituir o antigo programa Bolsa Família. Assim, beneficia em torno de 18 milhões de famílias desde sua criação. O valor atual é de R$ 400.

Parcela extra do Auxílio Brasil: Quem tem direito?

Para receber o benefício da parcela extra do Auxílio Brasil, as mães precisam preencher alguns requisitos. Então, veja quais são e descubra se está inclusa neste grupo. 

  • Estar registrada no pré-natal da rede de saúde. Bem como, no Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica;
  • Também é válido o registro no Sistema do Programa Auxílio Brasil na Saúde;
  • Integrar família que possui uma renda per capita mensal menor que R$ 105;
  • Ou então, família em regra de emancipação;
  • Estar cadastrada no CadÚnico;
  • Ser beneficiária do Auxílio Brasil.

Vale ressaltar que o abono pode ser recebido independente do período gestacional, ou seja, não é necessário que a solicitação do benefício seja feita no início da gravidez.

Dessa forma, a qualquer momento da gestação a mãe pode receber as nove parcelas extras do Auxílio Brasil de forma integral. Portanto, caso esteja grávida e ainda não recebe, entre em contato com a Assistência Social de sua cidade.

Como receber o Auxílio Brasil?

Há três formas para receber o Auxílio Brasil:

  1. Ter cadastro no antigo Bolsa Família. Assim, o pagamento será automático;
  2. Inscrito no CadÚnico, que não recebia o bolsa família. Mas, irá para a lista de reserva;
  3. Caso não esteja no CadÚnico, é necessário procurar um CRAS para registro.

Estando apta para o recebimento do benefício e fazendo parte dos requisitos solicitados, a gestante receberá a parcela extra do Auxílio Brasil, ou seja, para conseguir o BCG deve atender o perfil.

Calendário de pagamento da parcela extra do Auxílio Brasil

O pagamento do benefício e da parcela extra do Auxílio Brasil segue os mesmos cadastros dos beneficiários do Bolsa Família. Então, ficam mantidas as datas de depósito do programa que foi substituído.

Para isso, considera a numeração final do NIS (Número de Inscrição Social). Sendo assim, veja as datas para o mês de abril.

  • 25 de abril: final 6;
  • 26 de abril: final 7;
  • 27 de abril: final 8;
  • 28 de abril: final 9;
  • Por fim, 29 de abril: final 0. 

Canais de atendimento

Para mais informações sobre a parcela extra do Auxílio Brasil o cidadão pode entrar em contato pelos seguintes canais:

Por telefone

O beneficiário pode ligar no telefone 121, do Ministério da Cidadania, para saber se tem direito ao Auxílio Brasil e o valor que será pago. Ou ainda, é possível obter informações na Central de Atendimento da Caixa, pelo telefone 111.

Por aplicativos

No aplicativo Auxílio Brasil, é possível fazer o login utilizando a senha do Caixa Tem. Assim, poderão ser consultadas informações sobre o benefício, como saldo e pagamento de parcelas.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.