O que é fundo mútuo de privatização

Conheça agora o que é fundo mútuo de privatização e veja como investir

0

Hoje em dia, conhecer sempre mais sobre o mercado de ativos é muito importante, pois permite que alguém possa diversificar mais a carteira de investimentos. Dessa forma, o investidor tem chances maiores de ter bons retornos em suas aplicações. Por isso, vamos falar aqui no Brasil 123, o que é fundo mútuo de privatização, pois eles entram como uma ótima opção para quem investe nessa classe de ativos.

Podemos encontrar, atualmente, fundos tradicionais que seguem índices de referência como o Ibovespa, por exemplo. Mas, podemos encontrar também fundos ligados às tecnologias futuras como Metaverso, criptomoedas e alguns ativos ainda mais diversos.

No entanto, hoje vamos nos atentar ao que é fundo mútuo de privatização para que os investidores entendam melhor esses ativos.

Entenda o que é fundo mútuo de privatização

Fundo mútuo de privatização(FMP) é uma das categorias de fundos de investimento em que existe a possibilidade de utilização do FGTS para investir em ações de empresas estatais que estejam passando pelo processo de privatização.

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, aprovou uma regulamentação que possibilita que um investidor aplique até 50% do saldo do FGTS em ações da Eletrobrás.

Isso aconteceu também com a Vale do Rio Doce, hoje chamada apenas de Vale, quando os investidores puderam direcionar o capital para a compra de ativos durante a transição da estatal para um sistema privatizado de administração.

Como investir em Fundo Mútuo de Privatização

Agora que já sabemos o que é Fundo mútuo de privatização, vamos entender como investir em FMP, afinal, muitas pessoas querem buscar melhores formas de ter rendimentos para o dinheiro que está alocado no FGTS e essa é uma boa opção para quem prefere a renda variável para investir.

Depois que o investidor aceita que parte dos seus recursos do FGTS sejam destinados para o uso em FMP, ele precisa escolher a corretora. Esta, por sua vez, monta uma carteira composta pelos ativos que fazem parte daquele FMP.

Hoje em dia, qualquer instituição que esteja autorizada pela CVM pode controlar esse tipo de investimento, tais como corretoras, distribuidoras de valores e bancos. Então, a escolha da instituição e do gestor do fundo poderá ser feita pelo investidor. Dessa forma, procure as menores taxas de administração para que possa pagar a menor possível considerando uma boa atuação do gestor.

O Fundo Mútuo de Privatização é uma boa opção para quem prefere a renda variável para investir - Reprodução AdobeStock
O Fundo Mútuo de Privatização é uma boa opção para quem prefere a renda variável para investir – Reprodução AdobeStock

Saiba mais sobre a tributação do Fundo Mútuo de Privatização

Depois de saber o que é fundo mútuo de privatização e como investir nessa classe de ativos. Saiba mais sobre a tributação do FMP, afinal, a Receita Federal segue as alíquotas da renda variável, mas ainda segue métricas distintas.

Caso o fundo tenha o limite de rendimento da conta do FGTS que é baseada em 3%+Taxa Referencial. O investidor terá isenção de IR. Mas, se ultrapassar esse limite, a cobrança da alíquota de 15% incidirá sobre o excedente.

Agora você já sabe o que é o fundo mútuo de privatização, sua tributação e como investir. Aproveite.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.