Norte tem diesel mais caro do país; veja preço médio nas regiões

Já o Nordeste apresenta os maiores valores para a gasolina e o etanol; preço médio do diesel chegou a R$ 7,047 na semana passada

0

Abastecer o carro no Brasil não é uma tarefa fácil. Nos últimos tempos, os combustíveis tiveram fortes altas no país, e o preço segue elevado em todas as regiões brasileiras. Encontrar postos com valores mais acessíveis é bem complicado, ainda mais na região Norte, que tem o diesel mais caro do país.

A saber, o combustível mais usado no Brasil tem um preço médio de R$ 7,25 na região, superando o valor médio nacional (R$ 7,047). Em seguida, ficaram Centro-Oeste (R$ 7,18), Nordeste (R$ 7,177) e Sudeste (R$ 6,96). Assim, o diesel mais barato do país é o da região Sul, custando R$ 6,896.

Entre as Unidades Federativas (UFs), o Acre apresentou o maior preço na semana passada (R$ 7,784). Por outro lado, os motoristas podem encontrar o diesel mais barato do país no Rio Grande do Sul (R$ 6,771).

Além das dificuldades em abastecer o veículo devido aos preços elevados do diesel, os motoristas do país podem sofrer com a falta do combustível. Projeções do mercado indicam que há risco real de desabastecimento do diesel entre agosto e outubro, período em que há pico de consumo no país. O governo vem se movendo para que isso não aconteça, mas o risco existe.

Gasolina e etanol são mais caros no Nordeste

Por sua vez, o Nordeste lidera o ranking de preços mais altos tanto da gasolina quanto do diesel. Em resumo, o preço médio nacional da gasolina ficou em R$ 7,252 na semana passada. No entanto, atingiu R$ 7,412 no Nordeste, maior valor entre as regiões brasileiras. Já o preço médio do etanol caiu para R$ 5,186 no país, mas o combustível custou bem mais no Nordeste (R$ 5,942).

Estes resultados mostram que o motorista que abastece o veículo na região Nordeste sofre com os altos preços dos combustíveis. Em contrapartida, o Sul teve a gasolina mais barata do país, custando R$ 7,089. No caso do etanol, o Centro-Oeste apresentou o menor preço médio, de R$ 5,054.

Embora algumas regiões tenham preços mais alto que outras, não há como negar que os combustíveis estão caros em todo o país. Os motoristas não têm muito o que comemorar em 2022, já que os preços só fizeram subir no ano. E a expectativa é que haja ainda mais avanços no decorrer deste ano.

Leia Também: Senado aprova projeto que prevê redução no valor da conta de luz

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.