Ibovespa dispara nesta sexta (1º), mas cai na semana

Resultados preliminares de remédio contra a Covid-19 anima mercado e impulsiona Ibovespa; problemas de sempre continuam no radar

0

O Ibovespa iniciou outubro com um desempenho expressivo. A saber, o principal índice acionário da Bolsa Brasileira subiu 1,73% no pregão desta sexta-feira (1º), para 112.899 pontos. No entanto, essa elevação não reverteu o tombo semanal, mas o reduziu para -0,34%. Já na parcial do ano, o índice acumula perdas de 5,14%.

O que mais impulsionou o Ibovespa na sessão de hoje foi o anúncio de um remédio que reduz em 50% mortes e internações pela Covid-19. Vale destacar que o medicamento ainda precisa passar por testes e que essas novidades são apenas preliminares. Contudo, isso foi suficiente para animar o mercado e impulsionar as bolsas de valores nesta sexta.

O resultado de hoje contrasta com o tombo de 6,57% em setembro. Embora o Ibovespa tenha disparado nesta sexta, os problemas de sempre continuam bastante presentes. A começar pelo cenário doméstico, com inflação altataxa básica de juros subindo, crise hídrica energéticacombustível mais caro e reajustes salariais cada vez menores.

Ao mesmo tempo, o Federal Reserve (Fed), banco central dos EUA, já sinalizou que os juros adotados no país começarão a subir assim que os estímulos injetados na economia acabem de vez. E a expectativa é que isso aconteça em meados de 2022. O resultado é o encerramento da chuva de dólares e a consequente redução de entrada de capitais nas bolsas do mundo.

Apenas 13 das 91 ações do Ibovespa caem nesta sexta

Apesar de o Brasil e o exterior continuarem inspirando cuidados, os investidores preferiram focar no otimismo gerado no dia. Assim, apenas 13 das 91 ações do Ibovespa caíram no pregão. Ao todo, entre compras e vendas, os papéis movimentaram R$ 22 bilhões nesta semana, em média. Esse valor ficou menor que o giro financeiro diário deste ano, de R$ 23,5 bilhões.

Entre os muitos ganhos do dia, os mais expressivos vieram de: Inter Banco unit (9,54%), Banco Inter PN (9,31%), Banco Pan PN (8,46%), Cogna ON (8,12%), CVC Brasil ON (7,53%) e Via ON (7,52%). Vale ressaltar que os papéis do Banco Inter encerraram setembro com as maiores perdas do Ibovespa. No entanto, dispararam nesta sexta após anúncio de antecipação de prévia de resultados.

Por fim, os recuos mais intensos ficaram com: Suzano Papel ON (-3,76%), PDA – CBD ON (-2,56%), Fleury ON (-2,12%), JBS ON (-1,97%) e Klabin unit (-1,86%). Contudo, nenhuma dessas quedas foi tão expressiva quanto os maiores avanços do dia.

Leia Mais: Salário médio de admissão cai em agosto no Brasil

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.