Fundos DI reduz taxa na crise mas poucos rendem mais de 80% do CDI

0

Cerca de 100 fundos do DI tiveram seus recursos destinados para pessoas físicas, mas somente 8 deles conseguiram superar o CDI no período de 1 ano. Com isso, apenas um terço deles rendeu somente 80%. Sendo muito pressionado com a situação do mercado financeiro, e com a taxa de juros lá embaixo, sendo a menor já registrada na história, a concorrência dos produtos financeiros começou a ficar muito acirrada.

Uma das gestoras que fazem a gestão dos fundos de renda fixa, que é o tipo de investimento mais conservador, preferiu diminuir os custos devido à crise da pandemia. Agora, as novas mudanças não foram tão relevantes para melhorar a venda e os investimentos desses produtos de forma tão significativa assim.

Fundos de DI próximo ao CDI

Os fundos que tiveram que reduzir sua taxa de juros foi o DI, que agora as carteiras estão majoritariamente movidas aos títulos públicos federais, junto da Taxa do Tesouro Selic. O que se espera é de que esses investimentos tenham um rendimento que sejam próximo do CDI, mesmo com todos os outros custos envolvidos. Levando em consideração um levantamento que foi feito, mais de 100 fundos DI estavam sendo destinados para pessoas físicas investirem, e desse total, 33 tiveram as taxas de administração reduzida, desde fevereiro de 2020.

Leia mais: O que é Selic e CDI?

Desses 33, 29 renderam menos que o CDI, chegando à marca de apenas 80% do valor, e só 1 deles bateu o valor referencial. Em meio a pandemia, o mercado financeiro ainda se encontra instável e deve permanecer assim por um tempo até que tudo se ajeite. O que considera os lançamentos desses fundos e o valor, junto do CDI para investimentos pequenos de pessoas físicas, é que o segmento do varejo ainda rende uma renda alta, e quanto se possui menos de 100 cotistas, as chances dele se valorizar são ainda menores.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.