FGTS pode financiar segundo imóvel. Entenda!

0

Muitos brasileiros sabem que podem usar o valor do FGTS para financiar a compra do primeiro imóvel. Contudo, o fundo de garantia também é útil para quem quer começar o segundo financiamento com uma entrada maior para diminuir as parcelas. Nessa quarta-feira, 14, a Câmara dos Deputados aprovou a medida em caráter de urgência para tentar retomar a atividade do setor.

Com isso, a sua organização financeira fica ainda melhor e a compra de um novo imóvel se torna ainda mais fácil. A medida também facilita o acesso da população de menor poder aquisitivo, que poderá usar o FGTS como uma forma de entrada para o segundo imóvel.

Como funcionava o uso do FGTS antes?

Antes de a medida ser aprovada, o valor do FGTS entrava em negociações de imóveis apenas quando se tratava do primeiro imóvel do cidadão. Agora, o valor do fundo de garantia também conta para quem está à procura do segundo imóvel. O projeto é de autoria do deputado Marcel van Hattem (Novo), que cita a autonomia dos trabalhadores como meio de promover o financiamento imobiliário.

Antes dessa norma, o trabalhador poderia usar o FGTS apenas para quitar dívidas antigas. Assim como acontece atualmente, o trabalhador podia quitar apenas as parcelas atrasadas, seguindo algumas regras. O deputado também aponta para o alto valor que o Brasil tem no fundo de garantia. Segundo ele, investimentos de baixo risco do mercado, que geram maior liquidez à economia, possuem menos captação que o FGTS. Agora, o Plenário da câmara analisará o projeto de lei, sem que ele precise passar pelas comissões permanentes da Casa.

Vale lembrar que o dinheiro do fundo de garantia também é importante para as políticas públicas do país. Isso porque o valor do FGTS é a base para o Sistema Financeiro da Habitação (SFH), que cuida da construção de moradias populares em todo o país.

cancelamento do saque do FGTS
Foto: Reprodução

Vale a pena ter mais de um imóvel?

A notícia de usar o FGTS para comprar o segundo imóvel levanta mais um questionamento importante para as finanças pessoais. Será que vale a pena abrir um novo financiamento para a compra de um segundo imóvel? Na verdade, a resposta depende da realidade de cada pessoa, mas é preciso levar algumas coisas em consideração.

Se você pretende comprar um segundo imóvel para gerar uma renda passiva em aluguéis, essa pode ser uma excelente ideia. Contudo, o mercado financeiro possui opções que podem dar retornos ainda maiores no mesmo ramo da economia. Estamos falando dos fundos imobiliários, que são fundos de empresas que possuem imóveis e alugam eles para outras pessoas. Nesse caso, o FGTS não pode ser resgatado para investir nesses produtos.

Por outro lado, se a sua intenção é comprar um segundo imóvel para realizações pessoais, o FGTS será um grande aliado seu. Dessa forma, você poderá dar uma entrada maior e diminuir o valor ou a quantidade de parcelas do seu financiamento. Com o FGTS, você também pode diminuir os juros da casa própria e ter um novo imóvel sem complicações.

5/5 - (1 vote)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.