Saiba como consultar o PIS e o saque extraordinário

Entenda como consultar o PIS e tire outras dúvidas sobre benefícios

0

Cidadãos que esqueceram sua inscrição precisam saber como consultar o PIS para acessar os direitos e benefícios. Como o Programa de Integração Social não é utilizado frequentemente, não é incomum que o número seja esquecido.

O PIS é gerado no primeiro trabalho de carteira assinada do colaborador e possui um número permanente. Normalmente, esse número é anotado na carteira de trabalho. De qualquer forma, pode obter o número em uma agência da Caixa.

Como descobrir o número do PIS

Para os trabalhadores que desejam saber como consultar o PIS, há três maneiras: por telefones, aplicativos e pelo site da Caixa.

  • Telefone da Previdência Social: 135, que está disponível das 7h às 22h;
    • Selecione a opção 5;
    • Você falará com uma atendente, que irá solicitar seus dados cadastrais e informar o número do seu PIS.
  • Telefone do serviço Caixa Cidadão: 0800-7260207, que está disponível 24 horas durante os sete dias da semana;
  • Aplicativos Carteira de Trabalho Digital, Caixa Trabalhador e Caixa Tem;
  • Site do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), utilizando o CPF;
  • Site do FGTS.

​Entendendo o PIS

O Programa de Integração Social ou PIS, foi criado por meio da Lei Complementar n° 7/1970. O objetivo da instituição desse programa foi integrar empregados e empresas do setor privado. A Caixa é responsável pelo pagamento do PIS.

PASEP

Ao mesmo tempo, a Lei Complementar n° 8/1970 criou o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público, o PASEP. Os fundos destinados aos servidores partem da União, dos Estados, Municípios e do Distrito Federal e territórios. Assim, a instituição pagadora é o Banco do Brasil. 

Fundo PIS-PASEP

A unificação desses dois programas foi estabelecida pela Lei Complementar nº 26, de 11 de setembro de 1975, com vigência a partir de 1º de julho de 1976 e hoje gerida pelo Decreto nº 4.751 de 17 de junho de 2003.

Após 1988 o Fundo PIS-PASEP passou a destinar os recursos para o Fundo de Amparo ao Trabalhador – FAT. O FAT custeia os benefícios trabalhistas como seguro-desemprego, abono salarial, entre outros.

Saque extraordinário

O saque emergencial de 2022 já foi liberado e o trabalhador pode sacar até R$ 1 mil do seu saldo. Qualquer trabalhador, com carteira assinada ou não, pode realizar o saque extraordinário. 

Aqueles que possuem menos de R$ 1 mil  podem sacar o valor total. No entanto, os que têm mais de R$ 1 mil, ficam limitados a sacar esse valor.

O saque extraordinário já foi liberado para os nascidos em janeiro, fevereiro e maio de acordo com o calendário de pagamentos. Então, veja a seguir as datas dos próximos pagamentos:

  • 20 de abril: Nascidos em janeiro;
  • 30 de abril: Nascidos em fevereiro;
  • 04 de maio: Nascidos em março ;
  • Bem como, 11 de maio: Nascidos em abril ;
  • 14 de maio: Nascidos em maio;
  • 18 de maio: Nascidos em junho;
  • 21 de maio: Nascidos em julho;
  • Então, 25 de maio: Nascidos em agosto;
  • 28 de maio: Nascidos em setembro;
  • 1 de junho: Nascidos em outubro;
  • 08 de junho: Nascidos em novembro;
  • Por fim, 15 de junho: Nascidos em dezembro.

Siga as datas acima para saber quando terá direito ao saque. Assim, basta escolher a opção desejada e retirar o dinheiro. Mas, caso não queira, basta deixar em sua conta.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.