Polícia Militar prende três pessoas por fraude no saque do auxílio emergencial; acompanhe

Foram apreendidos cartões e senhas com os envolvidos

0

A Polícia Militar (PM) prendeu três homens em flagrante em uma agência bancária no Rudge Ramos, em São Bernardo, SP, por fraude em saques do auxílio emergencial. Eles estavam com 120 cartões clonados e R$ 2.138 em dinheiro. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP), o trio tem idades de 30, 33 e 38 anos. Os nomes dos presos não foram divulgados pelo órgão.

O primeiro detido foi localizado dentro de agência da Caixa localizada no Rudge Ramos. Os outros dois envolvidos tentaram fugir, mas foram presos nas imediações do local.

De acordo com informações da PM, os policiais militares do 6º BPM (Batalhão de Polícia Militar Metropolitano) foram até o local após serem acionados pelo Centro de Operações da Polícia Militar (Copom).

Prisão em flagrante

Os três homens foram presos em flagrante com 120 cartões para saque do auxílio emergencial, benefício oferecido pelo governo federal, e ainda a quantia de R$ 2.138 em espécie. O carro usado pelos criminosos também foi apreendido.

Eles foram autuados no 2º DP (Rudge Ramos) da cidade, onde ficaram à disposição da Justiça, de acordo com a SSP.

Como é realizado o trabalho para combater as fraudes no auxílio emergencial?

Em entrevista realizada recentemente para o jornal A Voz do Brasil, o Ministro da Cidadania, João Roma, falou sobre o trabalho para apurar eventuais fraudes no programa, e garantir que o auxílio seja pago a quem realmente precisa.

Roma informou que se trata de um trabalho em conjunto que reúne vários órgãos: Ministério da Cidadania, Polícia Federal, Caixa Econômica Federal, Ministério Público Federal, Receita Federal, Controladoria Geral da União e Tribunal de Contas da União.

De acordo com o ministro, esse trabalho integrado é essencial para combater com eficiência os criminosos que tentam fraudar o pagamento do auxílio emergencial e ainda informou que o Ministério da Cidadania oferece um serviço para receber denúncias através de formulário eletrônico da ouvidoria e com atendimento telefônico pela Central 121.

Leia também: Contestar Auxílio Emergencial: Prazo vence no final da semana; saiba a data exata

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.