Métodos contraceptivos para mulheres: veja mais sobre eles

Entenda qual método contraceptivo você pode usar sem depender do seu parceiro

0

Antigamente, os métodos contraceptivos mais comuns eram a pílula anticoncepcional e a camisinha. Em alguns casos, as mulheres também utilizavam o DIU. Entretanto, atualmente isso mudou muito. Já existem métodos contraceptivos para mulheres, que podem usar sem depender do seu parceiro.

Há muito tempo, recaia sobre o homem a responsabilidade de não ter filhos, a partir da utilização da camisinha. Entretanto, hoje entende-se que ambos têm responsabilidade para não engravidar. Por isso, as mulheres devem conhecer métodos contraceptivos para mulheres e se protegerem por conta própria.

Relacionamento saudável: saiba como manter o seu assim

Conheça alguns deles, no artigo abaixo. E lembre-se sempre que você pode se informar através da internet, mas isso jamais substitui uma consulta com um ginecologista. Este é o profissional que pode prescrever o melhor método para você e fazer o acompanhamento da sua eficiência.

DIU (Dispositivo Intrauterino)

Atualmente o DIU não é incomum como um dos métodos contraceptivos para mulheres. Ele se caracteriza por um dispositivo que é inserido dentro do útero da mulher para impedir que o espermatozoide fecunde um óvulo. Existe tanto o DIU de cobre, como o Mirena, que é um DIU hormonal.

Ou seja, que secreta hormônios no corpo da mulher para que ela não engravide. Este último costuma ser melhor para mulheres que têm muita cólica, uma vez que ele controla a menstruação e também reduz os sintomas desconfortáveis da TPM.

Anel vaginal

Este é um método contraceptivo que consiste na inserção de um anel que contém hormônios. Ele deve ser colocado por 21 dias, fazendo uma pausa de 7 dias. Após os sete dias, coloca-se um novo anel. Nunca o antigo, uma vez que ele tem prazo de validade e também a quantidade adequada de hormônios apenas para aquele período. A relação sexual ocorre normalmente com a utilização desse método contraceptivo para mulheres.

Como resolver conflitos no relacionamento sem brigar

Diafragma

Este é um método que consiste na utilização de uma borracha fina que não deixa os espermatozoides penetrarem no útero. É indolor e para utilizá-lo, basta inseri-lo alguns minutos antes da relação sexual. Depois disso, a relação pode acontecer normalmente.

Entretanto, o diafragma apenas pode ser retirado cerca de 12 após a relação. Assim como qualquer método contraceptivo, este método é passível de falhas. Entretanto, as chances dele falhar são altas em comparação com os outros: 10%. Por isso, não é bom confiar apenas nele como método contraceptivo.

Pílula do dia seguinte

Como todo mundo sabe, a pílula do dia seguinte é um método contraceptivo, entretanto, não de uso prolongado. Na verdade, deve-se utilizá-lo apenas em casos de emergência. Isso significa que você não deve recorrera esse método todas as vezes que tem relações e sim quando algo dá errado. Quando a camisinha sai na hora do ato, por exemplo.

Por fim, agora você já conheceu vários métodos contraceptivos para mulheres e pode escolher aquele que mais será eficiente para você. Não deixe de consultar um médico de confiança e fazer acompanhamento com ele.

Dicas simples para manter um relacionamento feliz e saudável

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.