McDonald’s encerra segundo trimestre com lucro líquido de US$ 2,219 bilhões

Lucro da rede de restaurantes foi quatro vezes maior que o observado no mesmo período de 2020; receita totalizou US$ 5,887 bilhões

0

A McDonald’s conseguiu um resultado bastante expressivo no segundo trimestre deste ano. A saber, a rede de restaurantes encerrou o período com um lucro líquido de US$ 2,219 bilhões. Isso representa um montante quatro maior que o observado no mesmo trimestre de 2020.

Em resumo, o forte desempenho entre abril e junho deste ano fez o lucro por ação ficar em US$ 2,37, superando as estimativas do mercado, que apontavam um lucro de US$ 2,11 por ação. Aliás, a companhia divulgou os dados nesta quinta-feira (29).

Além disso, a receita da McDonald’s saltou 57% no comparativo anual, para US$ 5,887 bilhões. Enquanto isso, as vendas comparáveis cresceram 40,5% em relação ao mesmo trimestre de 2020 e 6,9% ante o mesmo período de 2019. Vale destacar que os comparativos estão trazendo dados de 2019, visto que, à época, o mundo ainda não sofria com a pandemia da Covid-19.

Por falar nela, a crise sanitária reduziu fortemente o movimento de pessoas os restaurantes da McDonald’s. Na verdade, diversas medidas para evitar aglomeração afetaram estabelecimentos como bares e restaurantes. Por isso que houve a disparada no segundo trimestre deste ano, uma vez que a base de comparação, no ano passado, estava bastante afetada.

Confira mais detalhes do desempenho da McDonald’s no trimestre

Em suma, o indicador de vendas comparáveis cresceu 25,9% nos Estados Unidos. Contudo, o destaque no trimestre ficou com o mercado internacional próprio, cuja taxa disparou 75,1%. Já no mercado licenciado, que inclui o Brasil, o avanço chegou a 32,3%.

“Nossa performance é uma demonstração continuada da força e resiliência do nosso negócio uma vez que as vendas comparáveis subiram quase 7% sobre 2019”, ressaltou Chris Kempczinski, diretor-presidente do McDonald’s, em nota.

Por fim, ele afirmou que a McDonald’s seguirá focada em manter a liderança do setor. Para isso, a rede de restaurantes investirá cada vez mais na digitalização dos negócios.

Leia Mais: Indicador de incerteza da economia volta a cair em julho, aponta FGV

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.