Inscrições reabertas para receber auxílio emergencial de R$ 600; veja onde é realizado o pagamento

Confira as informações sobre o benefício

0

A Prefeitura de Ribeirão Preto reabre nesta segunda-feira (19) as inscrições para a solicitação do Acolhe Ribeirão, um benefício de transferência de renda, com um auxílio emergencial de R$ 600 que já contemplou em sua primeira etapa um total de 11.219 famílias. Com a mudança na data-base do Cadastro Único e do Cadastro Emergencial da Secretaria de Assistência Social serão beneficiadas na segunda etapa mais de 2 mil famílias.

Assim sendo, as pessoas inscritas no Cadastro Único até 31 de março de 2021 e no Cadastro Emergencial Municipal até 30 de junho estarão habilitadas para solicitar o auxílio através do portal da Prefeitura.

“Estamos compondo a execução do benefício para atingir o maior número de pessoas. Temos até 20 mil famílias, e esta é uma grande oportunidade para se inscreverem e serem contempladas. Estar no Cadastro Único e no Cadastro Municipal é essencial para que possamos adotar medidas de auxílio à população, por isso sempre enfatizamos a necessidade de mantê-los atualizados”, diz a secretária de Assistência Social, Renata Corrêa.

Programa Acolhe Ribeirão paga auxílio emergencial de R$ 600
Programa Acolhe Ribeirão paga auxílio emergencial de R$ 600

Quem tem direito ao auxílio emergencial de R$ 600?

O benefício do Acolhe Ribeirão é direcionado às famílias em situação de vulnerabilidade social residentes em Ribeirão Preto, sem seguro desemprego, e que se enquadram em um dos requisitos abaixo:

  • Estejam inseridas no Cadastro Único de Programas Sociais até a data base de fevereiro/2021, com renda mensal familiar per capita igual ou inferior a R$ 477;
  • Estejam inseridas no Cadastro Emergencial Municipal da Secretaria de Assistência Social de 23 de março de 2020 até 30 de abril de 2021.

As famílias que estiverem inscritas no Cadastro Único (data base até 28/02/2021) ou Cadastro emergencial da SEMAS (data base até 30/04/2021), deverão ainda atender os critérios de elegibilidade abaixo, priorizando as famílias na seleção e classificação, conforme a ordem crescente seguinte:

I – Número maior de integrantes, sendo priorizadas as famílias que tenham na sua composição familiar:

  1. a) maior número de crianças até 12 (doze) anos;
  2. b) idoso com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos,
  3. c) pessoas com deficiência.

II – Família monoparental, com crianças e adolescentes de 0 (zero) a 17 (dezessete) anos e 11 (onze) meses;

III – Unipessoa com idade acima de 60 (sessenta) anos ou pessoa com deficiência, sem renda ou BPC (Benefício de Prestação Continuada) / LOAS;

IV – Casal ou unipessoa desempregada e sem renda.

Qual o prazo para realizar as inscrições para o auxílio Acolhe Ribeirão?

As inscrições vão até dia 25 de julho e a previsão de aprovação da concessão do benefício e início dos pagamentos é em 12 de agosto.

Ao todo, os recursos para o benefício de R$ 600, que serão divididos em três parcelas iguais, somam R$ 12 milhões, provenientes da Câmara dos Vereadores e da Prefeitura de Ribeirão Preto.

Quantos membros por família terão direito ao benefício?

Terá direito ao Acolhe Ribeirão apenas 1 membro de cada família residente em Ribeirão Preto, sendo obrigatório que o membro seja maior de 18 anos, exceto no caso de família chefiada por mulher.

Como saber se fui beneficiado com o auxílio emergencial do Acolhe Ribeirão?

A partir do dia 12 de agosto você deverá acessar o portal da Prefeitura de Ribeirão Preto, na página da Secretaria Municipal da Assistência Social, e acessar o formulário de consulta, onde você verificará se foi beneficiado ou não com o programa.

Aqueles que tiveram o benefício negado, na página de inscrição, terão disponível o botão de recurso, onde você poderá acessar e preencher o formulário de recurso para solicitar novo processamento. Após a análise, a resposta ao recurso será enviada por e-mail ou contato telefônico.

Como será pago o auxílio Ribeirão?

A Caixa Econômica Federal é o agente pagador do programa. O benefício é pago através do aplicativo Caixa Tem. É possível consultar saldos e extratos, fazer pagamentos de contas e boletos, transferências e compras na internet utilizando o Cartão de Débito Virtual, gerado gratuitamente no próprio aplicativo, além de também gerar um Token no aplicativo para saque do benefício nos caixas eletrônicos ou nas lotéricas. Se o usuário não tiver aplicativo, poderá sacar o benefício nas agências bancárias da Caixa ou nas lotéricas.

Feita a consulta a partir do dia 12/08/2021, caso você seja beneficiado com o Acolhe Ribeirão, você receberá mensagem no ato da consulta com a data do pagamento.

Os pagamentos são escalonados de acordo com o calendário:

  • Nascidos em janeiro – 12 de agosto;
  • Nascidos em fevereiro – 13 de agosto;
  • Nascidos em março – 14 de agosto;
  • Nascidos em abril – 15 de agosto;
  • Nascidos em maio – 16 de agosto;
  • Nascidos em junho – 17 de agosto;
  • Nascidos em julho – 18 de agosto;
  • Nascidos em agosto – 19 de agosto;
  • Nascidos em setembro – 20 de agosto;
  • Nascidos em outubro – 21 de agosto;
  • Nascidos em novembro – 22 de agosto;
  • Nascidos em dezembro – 23 de agosto.

Confira ainda: Auxílio Emergencial: Acompanhe o calendário de pagamentos do Bolsa Família para as novas parcelas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.