Como aprender química sozinho: confira dicas

1

Quem é que nunca buscou sobre formas de como aprender química sozinho? Assim como matemática e física, é o pesadelo de muitos alunos do ensino médio. São tantas ramificações que até fica difícil escolher quais as mais difíceis: analítica, ambiental, inorgânica, orgânica, geral, tecnológica e muitas outras!

Portanto, foi pensando nisso que o Brasil 123 separou algumas dicas de como aprender química para ajudar os estudantes. Continue a leitura para saber mais!

1. Associe ao nosso dia a dia

Tudo o que acontece no corpo humano ou ao redor dele faz parte da química. Portanto, tente entender quais são as relações destes acontecimentos com os cálculos apresentados. Por exemplo, a conta de P1.V1/T1=P2.V2/T2 que aborda sobre pressão, volume e temperatura. Imagine que está usando uma panela de pressão com água e o líquido começa a ferver. Quanto mais temperatura, com o volume constante (já que a panela está fechada), maior a pressão.

Imagine que essa panela está com a pressão de 1 ATM com 273 K. Ao aumentar para 350 K, ocorrerá o aumento de P proporcional. Como está em uma panela, o volume não varia e pode ser cortado. Olha só:

1/273=P/350  –> P2= 1,29 ATM

São exemplos como estes que podem ser praticados no dia a dia: coloque tudo em prática para que entenda o mundo a sua volta.

2. Use sua cozinha

Você já notou que boa parte das contas de química envolve enunciados relacionados a uma cozinha? Sempre há a mistura de alimentos. Por exemplo, se deseja fazer um suco de limão, deve usar um copo, água, açúcar e limão. Para isso, também envolve-se quantidades.

Se você aumentar a quantidade do açúcar, poderá deixar o suco muito doce e se diminuir, estará amargo. O mesmo funciona com a química: tudo é levado em consideração com a quantidade.

3. Anote o dado das questões

Conforme a química vai avançando, alguns dados devem ser convertidos. Por exemplo, ás vezes é necessário converter o ATM para outra forma de medida e o mesmo serve para temperatura (são raros os casos que usamos nossa temperatura, usa-se o Kelvin). Dessa forma, sempre anote qual a unidade de medida juntamente com os números convertidos ao lado.

Faça uma breve lista com todas as informações que uma questão lhe deu. Se ver que faltou alguma coisa, talvez esteja inclusa na sua interpretação e você deve reler até encontrar o motivo. Vamos dar um exemplo de física, quem nunca na aula de cinemática falou para o professor que não marcava o valor da velocidade sendo que o enunciado dizia que o corpo estava parado?

Preste atenção porque o português também faz parte, muitas vezes, das questões das exatas.

Leia Também:

1 comentário
  1. […] um artigo ensinando a estudar química e que dizia o mesmo: relacione com os acontecimentos do seu cotidiano. Imagine, por exemplo, uma […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.