Perigos da glicose alta: veja como ela prejudica sua saúde

Saiba agora quais os riscos que o elevado nível de glicose pode acarretar para a saúde

0

Os perigos da glicose alta são vários, como sede em excesso, dor de cabeça constante, aumento da vontade de urinar e até mesmo fadiga em casos mais graves. Portanto, caso note quaisquer sintomas como esses procure um médico. Saiba mais sobre o assunto aqui no Brasil 123.

A hiperglicemia traz uma série de perigos para o organismo, pois os níveis de açúcar no sangue devem se manter menores do que 125 mg/dL em jejum de 8 horas ou 180 mg/dL 2 horas depois que consumimos quaisquer alimentos. Isto pode acontecer pela falta de insulina produzida pelo organismo que acaba gerando a diabetes.

Veja como os perigos da glicose alta podem prejudicar sua saúde

Como foi dito, são vários os perigos da glicose alta, mas podemos citar os principais sintomas logo abaixo:

  • Sede em excesso
  • Fome persistente
  • Bexiga solta
  • Urina constante
  • Perda de peso recorrente sem motivos
  • Cansaço extremo
  • Sono excessivo
  • Dores de cabeça
  • Visão turva
  • Boca seca
  • Dores musculares
  • Coceiras genitais
  • Disfunção erétil
  • Sensação de formigamento
  • Dificuldade de concentração

Ademais, a hiperglicemia pode causar outra doença grave chamada cetoacidose diabética que é uma causa grave, característica de altos níveis de açúcar no sangue, ou seja, com mais de 300 mg/dL e acidez elevada do sangue causando mau hálito.

Como saber se tenho glicose alta

O diagnóstico que aponta se temos glicose alta deve ser feito por um médico depois que o paciente recebe a indicação para realização do exame. A avaliação é obtida, então, por meio do exame de sangue que avalia a glicemia em jejum e exame da hemoglobina glicada para analisar a quantidade de açúcar no sangue.

Ademais, o médico ainda pode solicitar um hemograma completo para avaliar níveis de eletrólito no sangue como nitrogênio uréico e ainda pedir um exame de urina para procurar a presença de glicose no organismo.

Até mesmo em casa é possível saber os resultados do teste de glicose usando um glicosímetro, um aparelho que monitora os níveis de açúcar na circulação sanguínea. Esse aparelho deve ser usado somente quando a hiperglicemia é confirmada, já que possibilita o monitoramento dos níveis de glicose no organismo para acompanhar o quadro de cada paciente.

O diagnóstico que aponta se temos glicose alta deve ser feito por um profissional de saúde - Reprodução AdobeStock
O diagnóstico que aponta se temos glicose alta deve ser feito por um profissional de saúde – Reprodução AdobeStock

Causas da glicose alta

Agora que já entendemos quais os problemas da glicose alta, veja quais são as possíveis causas, afinal, a diminuição da produção de insulina pelo pâncreas é apenas um uma delas. Confira:

  • Diabetes: a diabetes tipo 1 é uma das principais causas da glicose alta, pois o corpo deixa de produzir insulina pelo pâncreas e isso aumenta os níveis de açúcar no sangue e a diabetes tipo 2 acontece quando o órgão produz e o corpo não consegue utilizar;
  • Diabetes gestacional: acontece quando o corpo apresenta resistência à insulina;
  • Estresse: aumento da produção da cortisol que leva ao aumento da resistência à insulina;
  • Uso de medicamentos: o uso de corticoides pode levar ao aumento da glicose, pois impede o organismo de produzir insulina.

Dessa forma, caso note quaisquer problemas da glicose alta que mencionamos acima, procure um médico para iniciar o tratamento.

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.