Inscrição no CadÚnico garante o pagamento do Auxílio Brasil?

Confira os requisitos para participar do programa social

0

No momento, cerca de 1,3 milhão de famílias aguardam na fila de espera para receber o Auxílio Brasil, segundo dados do Ministério da Cidadania. A saber, todas essas pessoas estão cadastradas no Cadastro Único (CadÚnico) e se enquadram nas demais regras do programa social.

A sétima rodada do Auxílio Brasil, concluída no mês de maio, contemplou um total de 18,1 milhões de brasileiros que estão em situação de pobreza ou extrema pobreza.

Inscrição no CadÚnico garante o pagamento do Auxílio Brasil?
Imagem: Montagem Brasil 123

Estou no CadÚnico, mas ainda não recebo o Auxílio Brasil

Diante da fragilidade da situação econômica do país, tivemos um aumento significativo de famílias que se encontram na chamada vulnerabilidade social. Desse modo, de forma proporcional, cresceu também o número de pessoas à procura dos benefícios sociais.

No entanto, o Governo Federal tem um limite de Orçamento a ser respeitado para a folha de pagamento do Auxílio Brasil.

Então não haverá mais nenhuma inclusão no programa? Sim, pode acontecer. No último mês, por exemplo, foram inseridas 56 mil famílias entre os beneficiários do Auxílio Brasil.

Contudo, como mencionado no início do artigo, o número de famílias que aguardam a sua vez totaliza um número bem maior do que esse.

O que é preciso para receber o Auxílio Brasil?

Para se tornar elegível ao programa, é necessário cumprir os requisitos: ser de família em situação de extrema pobreza (com renda mensal de até R$ 105 por pessoa), ou pobreza (renda entre R$ 105,01 e R$ 200 por pessoa) com gestantes ou menores de 21 anos na sua composição familiar.

Além disso, o critério primordial é ter o registro ativo e atualizado no CadÚnico. Entretanto, como citado anteriormente, por conta da restrição orçamentária, o simples fato de estar no Cadastro Único não garante a entrada automática no programa social.

O que fazer para chegar a minha vez?

O Auxílio Brasil é um programa volátil. Em poucas palavras, isso quer dizer que mensalmente, de acordo com as revisões realizadas pelo Ministério da Cidadania, famílias que deixem de atender os requisitos do programa podem ser retiradas da folha de pagamentos, assim como outras que atendem todos os critérios podem ser adicionadas.

Desse modo, é essencial que você mantenha todas as suas informações atualizadas no CadÚnico, para que assim você não perca a sua chance caso haja espaço no Orçamento.

Leia também: Aposentado do INSS com dois empregos pode pedir revisão do benefício; entenda

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.