Guia da aromaterapia: os melhores óleos essenciais

0

No artigo de hoje, você vai conferir o guia da aromaterapia! Cada vez mais, o assunto se torna relevante para quem busca alternativas naturais para problemas como a falta de sono, a ansiedade, a depressão e até mesmo a falta de foco. Com a ajuda dos óleos essenciais, é possível tratar muitos desses problemas.

O óleo essencial age no organismo de uma forma diferente, dependendo das plantas das quais eles foram extraídos. Eles podem ser utilizados tanto em difusores de ambiente, como na mistura em cremes, tratando a pele, a mente, nosso humor e muito mais.

Então, que tal conferir algumas das melhores opções de óleo essencial para diferentes tipos de problemas?

Guia da aromaterapia: quais são os melhores óleos essenciais?

Concentração: se você busca uma opção para melhorar a sua concentração nos estudos ou no trabalho, o olho de gengibre pode ser a melhor opção. Afinal, ele ajuda na memória, aguça os sentidos e traz muito mais energia. Além disso, o óleo de alecrim também turbina o cérebro e deixa você mais revigorado.

Energia: falando em ficar revigorado, o óleo essencial de grape fruit pode te dar um boost de energia. Além de ser revigorante, ele também é um poderoso antidepressivo, trazendo mais animação e autoconfiança. Por último, vale ressaltar que ele melhora os sistemas digestivo, imunológico e linfático;

Depressão: de acordo com o guia da aromaterapia, os óleos essenciais de bergamota ajudam a regular o sistema nervoso e ajudam (e muito!) no tratamento da depressão, fadiga, tristeza e até mesmo ansiedade.

Insônia: quem tem problemas para dormir pode confiar no óleo essencial de lavanda. Este é um dos óleos mais populares na aromaterapia. Logo, ele pode ser utilizado diretamente no travesseiro para melhorar a sua noite de sono.

Afrodisíaco: agora, quem busca melhorar a libido e o apetite sexual pode investir no óleo de jasmin. Além de melhorar sua confiança, ele também melhora o humor e a disposição.

TPM: finalmente, uma das melhores dicas do guia da aromaterapia é o uso do óleo essencial de gerânio para equilibrar a produção de hormônios. Sendo assim, quem sofre com os efeitos da TPM pode encontrar conforto neste óleo essencial.

E aí, gostou das dicas? Deixe seu comentário abaixo e compartilhe o artigo nas redes sociais!

Leia mais: Óleo de Melaleuca: Para que serve, Benefícios e Como usar

Cuidados com a saúde óssea e respiratória devem ser priorizados no inverno

SPA Day em casa: como curtir esse momento de autocuidado

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.