Força aplicada pelas mãos pode revelar casos de diabetes tipos 2

Diagnóstico precoce ajuda a evitar evolução da doença, como a necessidade de amputação de membros

0
Unsplash

Um estudo da Universidade Cruzeiro do Sul vem se mostrando favorável ao diagnóstico precoce e complicações da Diabetes Tipo 2.

Baseado na força de preensão do paciente, o estudo aponta que a força aplicada pelas mãos para segurar um objeto pode indicar a neuropatia diabética, uma condição caracterizada pela lesão nos nervos periféricos do corpo.

Quem passa pela neuropatia diabética costuma apresentar dor, formigamento, queimação e perda de sensibilidade, sobretudo nas pernas e nos pés. Diante disto, é bem comum esses indivíduos sofrerem com machucados, que muitas vezes passam despercebidos levando a amputação.

Sobre o estudo

De acordo com o estudo, quando comparados aos indivíduos saudáveis, os portadores de diabetes revelavam uma menor força de preensão dos objetos, utilizando apenas a metade da força.

Vale destacar, que dentre esses diabéticos, até os que ainda não apresentavam determinado grau de neuropatia, já demonstravam menor força. Sendo este pequeno teste, bem conclusivo quanto ao diagnóstico de Diabetes.

O estudo também confirmou, que essa perda de força nos dedos não significa uma menor sensibilidade, mas sim, um problema de comunicação entre os nervos periféricos e o cérebro. E seria essa falta de comunicação entre os sistemas, o principal indicativo da doença.

Os responsáveis pelo estudo acreditam que em breve será possível detectar a Diabetes, apenas com este teste rápido de preensão, que por não ser invasivo pode ter uma melhor aceitação da sociedade.

Mais sobre a diabetes tipo 2

A diabetes tipo 2 é caracterizada pelo excesso de açúcar no sangue. Este alteração pode desencadear inúmeras complicações, como por exemplo:

  • Infarto
  • Acidente Vascular Cerebral (AVC)
  • Amputações
  • Perda de visão
  • Falência renal
  • Neuropatia periférica

Além disso, esta condição é decorrente da resistência à insulina, que faz os sintomas aparecerem até anos depois da doença já instalada.

Sintomas da diabetes

Apesar de ser considerada uma doença silenciosa, muitos indivíduos manifestam os seguintes sintomas ao serem acometidos pela Diabetes:

  • Cansaço extremo
  • Perda de peso
  • Formigamento nas pernas e pés
  • Sede constante
  • Boca seca
  • Feridas que demoram a cicatrizar
  • Vontade de urinar constante

Diante de tais sintomas, a busca por uma avaliação médica é imprescindível. O diagnóstico geralmente é feito através de exames que mensuram a taxa de glicose no sangue, com o teste de glicemia, que caracteriza pela coleta de uma gota de sangue dos dedos.

A Diabetes tipo 2 pode ser evitada?

Uma das principais causas associadas à Diabetes tipo 2 é a genética, portanto, ficar atendo ao histórico familiar pode ajudar a ter um diagnóstico precoce e logo, lidar melhor com esta situação.

Ademais, outro gatilho para esta condição é o estilo de vida. Maus hábitos alimentares e o sedentarismo pode sim, motivar a doença.

Isso porque, ao ganhar peso, o indivíduo favorece a resistência à insulina, portanto, manter-se no peso adequado pode ser uma maneira extremamente eficiente de evitar a Diabetes Tipo 2.

Veja também: Você sabe a relação da diabetes tipo 1 com a Covid-19?

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.