Como fazer jejum intermitente de forma correta? Conheça benefícios

Veja como comer menos de forma saudável

0

Quando uma pessoa fica um determinado período de seu dia sem se alimentar, ela está fazendo um jejum intermitente.  Esse jejum não é algo novo, nossos antepassados já faziam há milhares de anos em sua rotina diária e o número de obesos naquela época era mínimo, aliás, esse tipo de de jejum se feito de forma correta além de emagrecer, também fornece alguns benefícios para nossa saúde. No entanto é necessário que ele seja feito com muito cuidado e atenção para não acabar sendo prejudicial. O resgate dessa prática é para que tenhamos mais saúde como tinham nossos avós e bisavós. Confira tudo aqui no Brasil 123.

Porque fazer jejum intermitente

Benefícios de fazer o jejum intermitente - reprodução unsplash
Benefícios de fazer o jejum intermitente – reprodução unsplash

O corpo humano precisa de um período de jejum. A teoria de que devemos nos alimentar de 3 em 3 horas, já caiu por terra. Quando você se alimenta dessa forma, acaba por ingerir muitos farináceos extremamente calóricos e prejudiciais à saúde. Na história da humanidade, fomos feitos para comer eventualmente.

Benefícios do jejum intermitente

A partir do momento que você fica em jejum por mais de 10 horas, a fonte energética que fica no fígado e na musculatura que é a glicose, se esgota e então começa o processo de queima de gordura gerando energia. O corpo começa a aprender a queimar gordura e com isso começamos a ter vários benefícios como podemos ver a seguir:

  • Nosso cérebro passa a render mais, com mais clareza mental e melhoria da memória;
  • Menor risco de contrair Alzheimer e Parkinson;
  • Diminui as inflamações do corpo, reduzindo as dores;
  • Diminuição da obesidade, pela queima do estoque energético;
  • Equilíbrio da flora intestinal;
  • Fortalecimento do sistema imunológico;
  • Diminuição do diabetes e das doenças cardiovasculares;
  • Longevidade devido à limpeza e renovação celular;
  • Melhoria do sono.

Tempo para obter os benefícios

Os benefícios não são alcançados da noite para o dia.  É necessário que o corpo se adapte à nova rotina alimentar.  Fazendo pelo menos 3 vezes por semana o jejum intermitente que pode ser de 12 horas para começar e podendo chegar a 18 horas, já é possível obter os benefícios.

Para algumas pessoas pode ser mais fácil de fazer do que para outras. Mas se você quer ter uma boa saúde, mude seus hábitos alimentares e faça esse jejum.

Teoricamente, com a prática do jejum, poderíamos comer o que quisermos que mesmo assim seríamos beneficiados, mas se realmente pretendemos uma mudança de vida, precisamos dar preferência a alimentos mais saudáveis durante todo o dia.

Essa prática com um acompanhamento médico e nutricional adequado, não tem perigo nenhum para a saúde, pelo contrário. Por incrível que pareça quem faz o jejum intermitente não sente tanta fome, se sente bem e com a cabeça boa e equilibrada.

A indústria alimentícia nos oferece muitas facilidades como alimentos prontos, mas prejudiciais à nossa saúde. Dessa forma, temos que ficarmos sempre atentos aos benefícios do jejum intermitente para não cairmos mais nessas ilusões de comer de 3 em 3 horas alimentos processados.

Por fim, com essas informações de como fazer jejum intermitente de forma correta, você será capaz de melhorar ainda mais sua saúde.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.