Traficantes são indiciados por morte de jovem em explosão de lança-perfumes na Rocinha

A jovem morreu após a explosão de uma caixa com lança-perfumes durante um baile funk, na Rocinha, no final de maio deste ano

0

A Polícia Civil revelou nesta quinta-feira (22) que dois traficantes foram indiciados por conta da morte de Ana Carolina Gonçalves de Oliveira Negreiros. A jovem morreu após a explosão de uma caixa com lança-perfumes durante um baile funk, na Rocinha, localizada na Zona Sul do Rio de Janeiro, no final de maio deste ano.

Idosa É Atropelada E Morre Em Rodovia Ao Tentar Ver Corpo De Sobrinha Que Morreu Em Batida

De acordo com as informações, no local onde a jovem estava, funcionava um baile clandestino no momento do acidente. Segundo testemunhas que estavam no baile, uma caixa com frascos de lança-perfume pegou fogo e explodiu. Como Carolina estava perto do fato, acabou sendo atingida.

A jovem conseguiu ser socorrida na ocasião e foi levada para o hospital com queimaduras em 80% do corpo. Todavia, por conta da gravidade dos ferimentos, acabou não resistindo e morreu.

A jovem morreu após a explosão de uma caixa com lança-perfumes durante um baile funk, na Rocinha, no final de maio deste ano.
A jovem morreu após a explosão de uma caixa com lança-perfumes durante um baile funk, na Rocinha, no final de maio deste ano. (Foto: reprodução)

Conforme revela a delegada Flávia Monteiro, da 11ª DP (Rocinha), os presos suspeitos de envolvimento na morte da jovem são John Wallace da Silva Viana, o Johnny Bravo, e Leandro Pereira da Rocha, o Bambu.

De acordo com Flávia, os dois são apontados como chefes do tráfico na favela e vão responder por homicídio culposo, aquele quando não há intenção de matar.

Além disso, os dois também foram indiciados por apologia ao crime e ainda por delitos relacionados à epidemia, visto que a festa em que Carolina acabou morrendo não poderia estar acontecendo, pois ia de encontro com o decreto do estado, que visa frear a disseminação da Covid-19 na região.

Leia também: Mulher é presa acusada de forjar sequestro dela e do filho para pedir resgate ao marido

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.