Startup: veja como ter a sua do zero!

0

Criar soluções inovadoras para velhos problemas é um dos maiores desejos dos empreendedores do Brasil. Com isso, a grande maioria das pessoas almeja em ter a sua própria startup, empresa que resolve problemas dos clientes com tecnologia e agilidade. Contudo, muitas vezes é difícil encontrar um meio para tornar isso realidade.

Dessa forma, hoje vamos falar sobre como ter a sua própria startup do zero, começando apenas com planejamento. Posteriormente, você pode captar recursos para começar ou, ainda, decidir pelo bootstrapping para ter a sua própria empresa.

Entenda o seu mercado

O primeiro passo para começar o seu próprio negócio é entender a fundo o seu mercado de atuação. E isso é diferente para cada tipo de empresa. Nas startups, isso é ainda mais difícil, pois hoje existem diversas soluções para os mesmos problemas, principalmente nas áreas financeiras. Por isso, é muito importante estudar bem antes de fazer qualquer coisa.

Isso porque entender a fundo o seu mercado dará a você a capacidade de resolver os problemas atuais dele. E para isso é preciso ter uma enorme abrangência. Se você quer ter uma empresa grande, precisa resolver os problemas que acontecem no Brasil todo ou pelo menos no seu estado. Para quem quer começar menor, o ideal é resolver os problemas da sua cidade. Para isso, você pode usar pesquisas de mercado ou até mesmo sair conversando com as pessoas nas ruas.

Essa é a parte principal para quem quer ter uma startup. Isso porque o planejamento é o principal para que você consiga atrair investidores e clientes no início da sua jornada. Ainda, iniciar a sua empresa é a parte mais difícil, seja na burocracia, seja na questão financeira. Além disso, essa é a parte mais esquecida pelos empreendedores brasileiros.

startup
Foto: Reprodução

Junte ideias e faça o produto da sua startup

Após fazer uma grande pesquisa de mercado, é preciso começar a entender como será o seu produto. Na grande maioria dos casos, os empreendedores que querem abrir seus próprios negócios já tem um produto em mente. Contudo, é importante não se apaixonar pela sua primeira ideia e estar apto a mudanças no início.

Por isso, junte todas as opiniões e veja onde elas convergem para um problema em comum. Após isso, é preciso estudar formas de resolver esse problema de forma eficiente e, principalmente, de forma barata. Com isso, você já tem grande parte do modelo de negócio da sua startup. Posteriormente, basta que você entenda a sua estrutura de custos e consiga colocar os primeiros projetos para funcionarem.

O último passo é divulgar a sua ideia em encontros de inovação, na internet e também em outros meios de comunicação. À medida que a sua empresa vai crescendo, você vai ganhando cada vez mais mercado. Contudo, no início, é preciso ter a cabeça no lugar e fazer pequenos produtos para grandes problemas. Apenas com um produto consolidado você poderá aumentar os seus serviços e seu público-alvo.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.