Precisa fazer um Pix no Caixa Tem e está com problemas? Confira as orientações

Confira as informações para realizar a transferência via Pix

0

Diversos são os relatos, principalmente nas redes sociais, de usuários que precisam fazer um Pix no Caixa Tem, e que enfrentam problemas com a operação, e até mesmo para abrir o aplicativo.

Ainda mais, muitos destes usuários observaram mudanças no layout do aplicativo, o que teria sido ocasionado por uma atualização do mesmo. Portanto, vale conferir se o seu aplicativo está instalado com a versão mais atual.

Além disso, as instabilidades podem ocorrer, conforme informações da Caixa Econômica Federal, até mesmo pelo volume de pessoas que acessam simultaneamente o Caixa Tem.

Assim, é importante insistir no acesso, pois muitos usuários reportam que voltaram a ter a liberação do aplicativo após novas tentativas.

De toda forma, o canal do banco no Instagram solicita o envio de mensagens privadas para auxiliar quem estiver enfrentando problemas.

Precisa fazer um Pix no Caixa Tem e está com problemas? Confira as orientações
Precisa fazer um Pix no Caixa Tem e está com problemas?

Pix no Caixa Tem

O Pix foi lançado em novembro do ano passado. Trata-se de um novo meio de pagamento instantâneo e gratuito do Banco Central do Brasil.

A opção de utilizar o Pix da Caixa aparece na página inicial do aplicativo. Portanto, faça o login na plataforma, e toque no ícone do Pix, que abrirá um menu lateral para navegação.

As opções incluem formas de adicionar e configurar Chaves Pix, além de realizar transferências e pagamentos.

Como primeiro passo, será preciso configurar uma chave Pix, que é a sua identificação. Feito isso, já é possível realizar transferências gratuitas e instantâneas no aplicativo.

Transferência com Chaves Pix

Clique na aba “Pix”, depois em “Pagar/Transferir”. Toque na opção para acessar as formas de envio de dinheiro, que incluem o uso de uma conta tradicional, as Chaves Pix e QR Code para pagamentos.

Para realizar as transferências com Chaves Pix, toque na opção “Chave”, que abrirá um menu para inserir as informações. Pressione então “Selecione o Tipo de Chave” para definir uma das formas de localizar a conta do recebedor. As opções incluem CPF, CNPJ, celular, e-mail e aleatória, para a chave única criada para cada conta que utiliza a função.

Depois de selecionar uma das chaves ou um contato de sua agenda, insira as informações necessárias em “Digite a Chave” e indique o valor que será enviado em “Digite o valor da transação”.

Toque em “Continuar” e uma página será exibida para verificar os dados antes do envio.

Caso todas as informações estejam corretas, pressione “Continuar”. Por fim, digite a sua assinatura eletrônica, e toque mais uma vez em “Continuar” para finalizar a transferência.

Comprovante da operação

Quando a transferência for processada, uma nova tela com o comprovante do Pix será exibida, incluindo os dados do envio e a opção de salvar o documento.

Para enviar o comprovante para outra pessoa, clique no botão “Salvar”, que exibirá a opção de salvar o documento digitalmente no celular ou enviá-lo para outros aplicativos, como por exemplo, o WhatsApp. Basta selecionar o aplicativo desejado e buscar o contato para enviar um PDF contendo todos os detalhes do Pix realizado.

Se você executou a transferência e esqueceu de salvar ou enviar o comprovante, volte para a tela inicial, toque na opção “Pix’ e acesse a aba “Comprovantes”.

A janela permite consultar todas as transações enviadas ao selecionar um período e pressionar “Continuar” para abrir uma transferência passada e acessar as opções de comprovantes passados.

Confira também: Novo Bolsa Família com aumento de apenas R$ 8,51? Confira as últimas informações

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.