Nota rara de R$ 50 pode valer até R$ 3 mil; confira o modelo

Colecionadores buscam nota com baixa fabricação e raras assinaturas; cédula precisa estar em bom estado de conservação para ter um valor alto

2

Tornou-se cada vez mais comum ver na internet notícias sobre moedas ou cédulas brasileiras que valem uma verdadeira fortuna. Esses modelos se valorizaram através do tempo e chegam a valer dezenas, centenas ou mesmo milhares de vezes mais do que representam. E uma nota de R$ 50 faz parte dessa lista. Será que você tem o modelo em casa?

A saber, muitos colecionadores pagam caro para ter um exemplar raro em sua posse. Há fatores que aumentam o valor de uma moeda ou cédula, como baixa tiragem e erro de fabricação. Além disso, o bom estado de conservação dos modelos também ajuda a aumentar o valor do item.

Para ter em sua coleção, muitas pessoas estão dispostas a gastar muito. Isso explica a razão de uma nota de R$ 50 chegar a valer R$ 3 mil no país. Em outras palavras, os R$ 50 que você tem na carteira ou em casa podem valer 60 vezes mais. É como se você investisse seu dinheiro e, no mesmo momento, ele já tivesse rendido dezenas de vezes o valor original.

Confira algumas características da nota de R$ 50

Em resumo, a nota de R$ 50 em questão possui algumas características que a tornam única. Veja abaixo o que contribui para a alta valorização do modelo:

  • Baixa tiragem (400 mil notas);
  • Assinatura do presidente do Banco Central à época, Pérsio Arida;
  • Assinatura do ministro da Fazenda à época, Rubens Ricupero;
  • Cédula sem a frase “Deus seja louvado”.
Nota rara de R$ 50.

Saiba porque a cédula é tão valiosa

Em suma, o Ministério da Economia se chamava Ministério da Fazenda na década de 1990. E o seu chefe tinha a função de assinar as cédulas das notas, bem como o presidente do Banco Central (BC).

A saber, o BC passou por algumas trocas de presidentes no começo da implantação do Plano Real, em 1994. Um dos presidentes foi Pérsio Arida, que comandou o BC entre janeiro e junho de 1995, ou seja, por apenas cinco meses. Nesse período, ele assinou as cédulas que circulavam no país, e as notas de R$ 50 tiveram apenas 400 mil impressões com a rubrica de Arida.

Além disso, o ministro da Fazenda, Rubens Ricupero, decidiu retirar a frase “Deus seja louvado” dos primeiros lotes do real. No entanto, ele voltou atrás e colocou novamente os dizeres nas cédulas. Por isso, as notas sem a frase são muito raras e valem uma fortuna. Será que um dos modelos está na sua casa?

Leia Também: Tarifa Social: saiba como ter desconto de até 65% na conta de energia

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

2 Comentários
  1. Martinho dos Santos Almeida Diz

    Eu tenho uma do beija flor

  2. Francisco Alberto Diz

    Tenho uma nota de 50,00

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.