Caixa tem novo empréstimo para brasileiros que estão com o nome sujo

Saiba mais sobre o novo empréstimo que a Caixa Econômica está disponibilizando para quem está com o nome sujo

0

Os brasileiros que estão com o nome sujo poderão solicitar empréstimos de até R$ 1 mil à Caixa Econômica Federal. O microcrédito está sendo concedido desde o dia 28 de março para empreendedores. 

A concessão faz parte do Programa de Simplificação do Microcrédito Digital para Empreendedores. O SIM Digital está vinculado ao MEI. 

O programa oferece empréstimos de até R$ 1 mil e R$ 3 mil e pode ser solicitado por quem está com o nome sujo. A medida faz parte da tentativa do governo de conseguir melhorias para o mercado de trabalho e para a economia.

SIM Digital para nome sujo

O SIM Digital empresta até R$ 1 mil para Pessoas Físicas e até R$ 3 mil para MEIs. Assim, o crédito deve ser destinado para investimentos e manutenção de negócios. 

As regras do empréstimo são diferentes para os dois grupos contemplados. É importante que aqueles que tenham interesse em solicitar o crédito fiquem por dentro. Então, veja a seguir:

Pessoa Física

Confira quais os limites, juros e prazos para as pessoas físicas:

  • Limite do crédito: até R$ 1 mil;
  • Taxa de juros: a partir de 1,95% ao mês;
  • Prazo para pagamento: até 24 meses.

MEIs

Já para MEIs, os prazos são outros, mas há uma condição. Veja:

  • Limite do crédito: até R$ 3 mil;
  • Taxa de juros: a partir de 1,99% ao mês;
  • Prazo para pagamento: até 24 meses;
  • Condição: o solicitante precisa ter atuado por pelo menos 12 meses na categoria de MEI e ter recebido faturamento anual de até R$ 81 mil.

Vale a pena solicitar o empréstimo para nome sujo?

Dar entrada em uma solicitação de empréstimo é uma decisão que deve ser tomada com cautela. Isso porque, o risco de um crescimento nas dívidas é muito grande. É necessário que o cidadão esteja bem planejado para solicitar o crédito.

Letícia Camargo, diretora da Associação Brasileira de Planejamento Financeiro (Planejar), aconselha que as pessoas pensem duas vezes antes de fazer empréstimos para quem já tem o nome sujo.

“É preciso prestar atenção, porque tomar esse novo empréstimo e continuar se endividando não resolve a situação. É preciso se organizar financeiramente para não gastar mais do que ganha e não voltar a se endividar mais”, diz Letícia Camargo.

Crédito para nome sujo

Para a especialista em finanças pessoais e professora da PUC-Rio, Graziela Fortunato, o crédito oferecido aos negativados pode ser uma chance de “colocar a vida financeira em ordem novamente”. Entretanto, “é uma atitude que precisa ser muito bem pensada”, diz a professora. 

“O empréstimo tem que ser usado com muito cuidado e como uma última alternativa, porque é um aluguel do dinheiro e você irá pagar muito por isso, principalmente, nessa época de taxa de juros altas. De fato, é uma alternativa para quem está passando por uma dificuldade financeira agora. O governo sabe que a situação está complicada, porém é preciso cautela”, explica Graziela Fortunato.

Para os microempreendedores, o empréstimo pode ser uma chance de melhorar a gestão do seu próprio negócio. 

“Vai poder comprar uma máquina nova, que vai gerar X de renda, o que vai permitir pagar as mensalidades do empréstimo. Depois que acabar, a pessoa continua com a máquina e com aquele lucro a mais. Pode ser uma ótima oportunidade para crescer”, reflete a diretora da Planejar.

5/5 - (2 votes)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.