Concurso TJ-GO é autorizado com 99 vagas e salário de até R$ 4,2 mil

0

O concurso do Tribunal de Justiça do Estado de Goiás (TJ-GO) foi autorizado para o cargo de Analista Judiciário no 1º grau de jurisdição. A função no órgão, que exige nível superior de escolaridade, paga certa de R$ 3.833,87 a R$ 4.259,86 de salário. A autorização partiu do presidente do Tribunal.

Concurso TJ-GO 2021

O presidente do Tribunal de Justiça do estado de Goiás, Carlos França, autorizou 99 vagas para o cargo de analista judiciário.

A autorização aconteceu ontem (3) e estabeleceu que:

O presidente Carlos França, levando em consideração a premente necessidade da contratação de servidores para a reposição da força de trabalho, propiciando ao Poder Judiciário prestar um bom serviço à sociedade goiana, autorizou, em caráter de urgência, a deflagração do processo de abertura de concurso para o preenchimento de 99 vagas.”

As vagas disponíveis do concurso serão de contratação de início imediato, além da formação do cadastro reserva. O intuito do órgão é repor os funcionários que pediram exoneração nos últimos anos.

Cargos e vagas

Todas as vagas são para o cargo de Analista Judiciário, entretanto, para ocupá-lo, o candidato precisa ter algumas especializações em específico.

No primeiro momento serão contratados 99 novos funcionários, porém, de acordo com os ados do Tribunal de Justiça de Goiás, o órgão conta com 177 vagas abertas. Veja a seguir:

  • Analista judiciário: área de apoio judiciário e administrativo – 50 cargos vagos;
  • Analista judiciário: área especializada – 20 cargos vagos;
  • Analista judiciário: área judiciária – 50 cargos vagos;
  • Analista judiciário: oficial de justiça avaliador – 57 cargos vagos.

Além do salário que varia de R$ 3.833,87 a R$ 4.259,86, a depender da área escolhida, o aprovado ainda terá direito a auxilio-alimentação no valor de R$ 1.158,79 e assistência pré-escolar (auxílio creche) no valor de R$ 660,31.

Último concurso do TJ-GO

O último certame do Tribunal Judiciário de Goiás aconteceu em 2014, na oportunidade, foram ofertadas 474 vagas para o cargo de Analista. Na época, foram feitas 46.857 inscrições. 

A banca responsável pela aplicação das provas foi a Fundação Getúlio Vargas (FGV). Divididas em duas etapas, o concurso teve a prova objetiva e discursiva, ambas às provas de caráter eliminatório e classificatório.

Leia também: Concurso PRF 2021: liminar suspende provas do próximo domingo, 9

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.