Auxílio Emergencial 2021: nascidos em abril poderão realizar um novo saque amanhã

2

O encerramento de pagamentos do Auxílio Emergencial em dezembro de 2020 não encerrou a liberação de saques do benefício em 2021. Nesta quarta-feira (06), a Caixa Econômica Federal libera um novo saque aos nascidos em abril.

Próximo saque:

  • Nascidos em abril – 06 de janeiro

O banco informou que a liberação de saques vai acontecer até o dia 27 de janeiro.

Prorrogação do Auxílio Emergencial

Segundo o Governo, para que seja aprovada a proposta seria preciso que o estado de calamidade pública também fosse prorrogado, pois assim o orçamento não ficaria limitado ao teto de gastos. Caso isso aconteça, membros do Governo temem que a credibilidade político econômica do Brasil fique abalada.

Inicialmente, quando o benefício do auxílio foi criado, ele teria duração de apenas 3 meses. Porém, como a crise do coronavírus está durando mais tempo que o previsto e milhões de brasileiros encontram-se em situação de vulnerabilidade, o Governo concordou com o pagamento de mais duas parcelas de R$600. O que significou uma despesa de, aproximadamente, 50 bilhões por parcela.

Após o pagamento das 5 parcelas de 600 reais, o benefício do auxílio foi prorrogado por mais 4 parcelas de 300 reais, cada. O Governo já gastou mais de 250 bilhões com o pagamento do benefício e não tem espaço fiscal para a prorrogação do auxílio até 2021.

Segundo o texto da Medida Provisória 1.000, “Fica instituído, até 31 de dezembro de 2020, o auxílio emergencial residual a ser pago em até quatro parcelas mensais no valor de R$ 300,00 (trezentos reais) ao trabalhador beneficiário do auxílio emergencial”.

O Presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não descartou por completo a prorrogação ao auxílio até 2021. Em declaração feita dias atrás ele disse “pergunta para o vírus…”, fazendo referência a evolução ou não da pandemia.

Veja também: Bolsa Família 2021: Caixa divulga calendário completo do benefício

Leia Também:

2 Comentários
  1. […] O fim do Auxílio Emergencial pode ser um deles. Milhões de brasileiros estão neste momento sem nenhum tipo de renda. Para piorar a situação, o número de casos e novas mortes decorrentes do coronavírus estão crescendo em todas as regiões do país. […]

  2. Marta Moura Soares Diz

    A pandemia está só almentando no Brasil algumas cidades já fecharam quase todo estabelecimento é nescessário que o auxílio continua por ainda tem muita gente desempregado ,eu por exemplo tenho ,2 filhas uma de 2 anos e outra de 9 anos eu ainda não estou trabalhando de carteira assinada

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.