Xica da Silva deve ganhar remake na TV Globo em 2025, diz colunista

Taís Araújo foi a responsável por atuar na novela da TV Manchete nos anos 90

0

Xica da Silva deve ganhar um remake na TV Globo! De acordo com a exclusiva do colunista André Romano, do Observatório da TV, nesta terça-feira (17), a emissora quer surfar na popularidade da nova versão de ‘Pantanal’ e regravar outros clássicos como ‘Renascer’ e ‘Rei do Gado’.

Joelma cogita pedir prisão de Ximbinha por falta de pagamento de pensão alimentícia

Esses projetos, que serão remakes do trabalho de Benedito Ruy Barbosa, devem estrear diretamente na TV Globo enquanto ‘Xica da Silva’ será produzido para o Globoplay apenas em 2025. O assunto, no entanto, segue em sigilo na emissora.

Xica da Silva, uma mulher negra, escandalizou a sociedade no século XVIII, no Brasil, ao se casar com o contratador de diamantes João Fernandes de Oliveira. Com sua influência, ela passou a viver como uma rainha e, apesar de ser uma escrava alforriada, mantinha mais de 100 escravos sob seu jugo.

A personagem histórica, que foi representada na novela da TV Manchete com diversas cenas sexuais e de violência, também foi retratada no filme ‘Xica da Silva’ por Zezé Motta, sob direção de Cacá Diegues, com um tema similar nos anos 70.

Taís Araújo diz que foi obrigada a gravar cena de sexo na novela

Taís Araújo não pareceu nem um pouco preocupada com a veia vingativa de Walcyr Carrasco ao expor o autor durante o programa ‘Roda Viva’, da TV Cultura, em novembro do ano passado. Em entrevista com Zezé Motta, a atriz da TV Globo acabou revelando que foi obrigada por Walcyr a gravar uma cena de sexo anal em ‘Xica da Silva’ (1996).

A esposa de Lázaro Ramos introduziu o assunto ao relembrar que Zezé interpretou sua mãe na trama: “Xica foi retratada, muitas vezes, pelo lado erótico. Quando eu fui fazer, eu tinha 17 para 18 anos. No momento em que neguei fazer uma cena de sexo anal, Walter Avancini (1935-2001) e Walcyr Carrasco foram dizer que eu estava a transformando em uma ‘Maria Chiquinha’”.

Walcyr, logo na sequência, fez questão de negar os rumores: “Só no final da novela os conheci em uma única passagem pelo estúdio. Nunca soube sequer dessa cena. Eu só escrevia. Mas acho que essa cena nunca existiu, eu certamente não escrevi”.

Em entrevista para o jornal Folha de São Paulo, em 1997, ele contou outra história! O autor revelou que pela relutância da atriz de fazer várias cenas, ele teve que mudar o perfil de Xica para mais cômica. Em especial a cena do sexo anal, que Taís rejeitou fazer: “O contratador a abraçava por trás e beijava seu pescoço. Deixava claro que haveria uma relação anal, mas ela não ficava de joelhos”.

Para o site Na Telinha, no entanto, Walcyr voltou a negar que tenha escrito a cena.

 

Veja também: Gabriela descobre sexo de seu primeiro filho: “Nunca fiquei tão feliz”

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.