Tite faz penúltima convocação antes da Copa do Mundo

Treinador anunciou 27 nomes nesta quarta-feira (11).

0

Adenor Leonardo Bacchi, o Tite, anunciou nesta quarta-feira (11) os vinte e seis nomes presentes na penúltima convocação da Seleção Brasileira antes da Copa. Isto é, a preparação para a Copa do Catar já está na reta final, e o Brasil fará dois amistosos contra Coréia do Sul e Japão.

Os jogos estão marcados para os dias 2 e 6 de junho. Vale lembrar que inicialmente o Brasil também jogaria contra a Argentina no dia 11, mas a CBF anunciou o cancelamento desse amistoso pouco antes de soltar os nomes convocados. Agora, fica a expectativa se terá outro jogo no lugar ou serão somente dois jogos.

Dito isso, a principal novidade da convocação foi o jovem volante Danilo, do Palmeiras. Titular absoluto do atual bicampeão da América, Danilo é peça chave no time de Abel Ferreira e já vem sendo pedido na amarelinha há bastante tempo. Agora, há pouco menos de seis meses da Copa, pode ter a chance de ouro para disputar o principal torneio de futebol do mundo.

Tite
Tite e Neymar se abraçam em concentração da seleção brasileira, em 2020. Foto: Lucas Figueiredo/CBF.

Confira a lista de Tite

Sem poder contar com o atacante Antony, o atleta é basicamente o único desfalque da lista que Tite vem costumando chamar. Além disso, ficou claro que Raphael Veiga não deve mesmo ter uma chance antes da Copa, embora esteja “comendo a bola” com a camisa do Palmeiras. Confira a lista de convocados:

Goleiros: Alisson (Liverpool), Ederson (Manchester City) e Weverton (Palmeiras);

Laterais: Daniel Alves (Barcelona), Danilo (Juventus), Alex Sandro (Juventus), Alex Telles (Manchester United) e Guilherme Arana (Atlético-MG);

Zagueiros: Éder Militão (Real Madrid), Gabriel Magalhães (Arsenal), Marquinhos (PSG) e Thiago Silva (Chelsea);

Meias: Bruno Guimarães (Newcastle), Casemiro (Real Madrid), Danilo (Palmeiras), Fabinho (Liverpool), Fred (Manchester United), Lucas Paquetá (Lyon) e Philippe Coutinho (Aston Villa);

Atacantes: Gabriel Jesus (Manchester City), Gabriel Martinelli (Arsenal), Matheus Cunha (Atlético de Madri), Neymar (PSG), Raphinha (Leeds), Richarlison (Everton), Rodrygo (Real Madrid) e Vinicius Junior (Real Madrid).

Com a Copa do Mundo se aproximando, vale lembrar que esses são os últimos momentos de Tite na Seleção, já que ele já decidiu que deixará o cargo após a Copa, independente do resultado.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.