Thales Bretas revela que Paulo Gustavo teve premonição com Covid-19: “Vou morrer”

O viúvo do comediante diz que Paulo era bastante cuidadoso para não contrair a doença

0

Thales Bretas revelou em entrevista à Ana Maria Braga, no ‘Mais Você’, da TV Globo, nesta terça-feira (3), que Paulo Gustavo teve um certo sexto sentido em relação à Covid-19. O comediante, que faleceu por complicações da doença no dia 4 de maio de 2021, dizia que morreria se a contraísse.

Maria e ex-BBB Nego Di trocam farpas na web após polêmica com Linn da Quebrada

“Parecia que ele tinha uma premonição, não sei se era um pouco de hipocondria também. Ele tinha muito medo de morrer e de ficar doente, e falava: ‘Eu não posso pegar isso de jeito nenhum, se eu pegar eu vou morrer, vou ficar grave'”, relembrou o dermatologista, pai de Romeu e Gael com o falecido.

Paulo Gustavo nunca escondeu que era bastante cuidadoso para não pegar a Covid-19 e, quando ele soube a notícia, ficou pasmo. “A gente descobriu fazendo um teste para encontrar um casal de amigos no final de semana. O dele deu positivo, e a gente já ficou muito tenso. Ele ficou branco na hora”, lamentou Thales.

Paulo foi homenageado como enredo da escola de samba São Clemente

O desfile da escola de samba São Clemente ficou marcado por falhas técnicas, mas esse contratempo não tirou o brilho da homenagem a Paulo Gustavo. Na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro, na madrugada do dia 23 de abril, a escola levou o enredo ‘Minha Vida é uma Peça’.

Thales Bretas, viúvo do comediante, ficou emocionado ao desfilar em um dos carros alegóricos; representando a união dos dois e os filhos Gael e Romeu; assim como a sogra Déa Lúcia. Outros famosos como Marcelo Adnet, Fábio Porchat, Marcos Veras, Rodrigo Pandolfo, Mariana Xavier, Monica Martelli e Samantha Schmutz também desfilaram e sambaram muito!

Schmütz, inclusive, revelou nos stories do Instagram que, antes de desfilar na Avenida, estava à procura de uma bolsa para o look. Ao encontrar o acessório certo, ela abriu e encontrou a pulseira do aniversário de 40 anos de Paulo Gustavo, vendo isso como um forte sinal.

O enredo contou com anjos drag queens, além de um boneco em tamanho real de Dona Hermínia que, no começo do desfile, não estava sincronizado. Apesar dessas falhas, a irmã de Paulo, Juliana, se emocionou e chorou em cima de um dos carros alegóricos assim como Thales e Déa.

Outra falha técnica foi do elemento da comissão de frente, além da altura de alguns carros que ultrapassaram o limite permitido. Marcus Majella, que desfilaria com a São Clemente, não pode comparecer ao evento após testar positivo para a Covid-19. Tatá Werneck também não participou da homenagem.

 

Veja também: Linn da Quebrada se pronuncia após comentários transfóbicos de Nego Di: “Quer diminuir”

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.