Setor de moda no Rio deve crescer até 2023

0

Segundo um estudo, o setor de moda no Rio de janeiro deve crescer 5,6% até 2023. Afinal, o mercado já conta, hoje, com mais de 5 mil indústrias que geram cerca de 70 mil novos empregos anualmente. As informações foram divulgadas pela Agência Brasil e refletem o estudo da Federação da Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan).

Sendo assim, considerando a cadeia como um todo, incluindo o comércio, são contabilizados quase 26 mil estabelecimentos. Então, ainda segundo a entidade, trata-se de um setor que reagiu com rapidez às crises econômicas do país ao longo dos últimos anos.

Sebrae prevê crescimento no setor de moda no Rio

Além disso, dados do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) corroboram o cenário positivo, com estimativa de crescimento de 5,6% na cadeia de valor e otimismo no setor.

“Estamos percebendo que as empresas continuam progredindo, pelo menos os pequenos negócios continuam gerando empregos. Afinal, nós sabemos que existe um ressentimento no varejo. Ou seja, muitas lojas fecham. Mas o pessoal que trabalha com moda é muito criativo e tem encontrado outros tipos de possibilidades como lojas colaborativas, eventos, venda online, alternativas que propiciam a sobrevivência das empresas mesmo com as dificuldades da economia”, diz Fabiana Pereira Leite, coordenadora de moda do Sebrae-RJ.

Os números expressivos representam um setor em ascensão mesmo em meio à pandemia. Apesar da reinvenção das semanas de moda ao redor do mundo, a moda segue como um mercado forte. Logo, os dados não devem ser atrapalhados pela crise sanitária e econômica que acometeu o país.

Então, o que você achou dessa notícia? Deixe seu comentário no espaço abaixo! Além disso, aproveite também para compartilhar o artigo nas redes sociais.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.