Saída de Solskjær do Manchester United agita mercado e incomoda Pochettino no PSG

tualmente, o clube inglês é comandado interinamente por Michael Carrick, que estreou com vitória por 2 a 0 sobre o Villarreal

0

O Manchester United, que demitiu o técnico norueguês Ole Gunnar Solskjær na semana passada, agitou o mercado de treinadores dentro do futebol.

Atualmente,  Michael Carrick, que estreou com vitória por 2 a 0 sobre o Villarreal pela Liga dos Campeões da Europa, fora de casa, na tarde desta última quarta-feira (24), comanda o clube inglês interinamente.

Enquanto isso, o treinador norueguês, que agora está livre no mercado, não resistiu à derrota por 4 a 1 para o modesto Watford, fora de casa, no último sábado (20), pela Premier League, onde os ‘Reds Devils’ estão longe da briga pelo título.

Agora, para o lugar do antigo treinador, o United foi para o mercado e um dos nomes cotados é o de Mauricio Pochettino, que hoje comanda o milionário time do Paris Saint Germain, onde não é uma unanimidade.

No entanto, o treinador demonstrou grande irritação ao ser perguntado sobre a possibilidade de ir para o time inglês.

Bronca

Durante a entrevista coletiva após a derrota para o Manchester City, por 2 a 1, pela Liga dos Campeões, se mostrou incomodado.

“Adeus, obrigado”, disse o treinador ao ser perguntado por um jornalista de uma emissora de TV se estaria com a equipe parisiense na segunda fase da Liga dos Campeões.

Depois, reclamou desses ‘rumores’ que surgem na imprensa. “Os jogadores sabem muito bem nossa situação. Nós sabemos a situação deles. Acho que vivemos em um negócio em que os rumores estão aí. Algumas vezes negativos, outras positivos. Isso não é uma coisa para falar, sobre os rumores”, disse.

E, por falar em rumores, um dos nomes cotados para ir ao Manchester United é o francês Zinedine Zidane, que fez toda sua carreira de técnico no Real Madrid.

No entanto, atualmente está parado e também surge como opção para o PSG, time de seu país natal, caso Pochettino realmente vá para o clube inglês.

Leia também: Internacional vive crise sem fim com três derrotas consecutivas no Brasileirão

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.