Rio de Janeiro libera 3 eventos teste sem máscaras ou distanciamento para vacinados contra Covid-19

Dois dos eventos contarão com público de até 5 mil pessoas cada

0

A cidade do Rio de Janeiro fará três eventos teste com capacidade de até 5 mil pessoas em que o público não precisará usar máscara ou manter distanciamento, entretanto, todos precisam estar vacinados e apresentar um teste negativo para Covid-19.

Um dos eventos é uma festa privada para 500 convidados em um hotel, enquanto os outros dois contarão com público de até 5 mil pessoas cada. Os três eventos serão realizados no mês de outubro e servirão como teste para o avanço da reabertura do Rio de Janeiro, que recentemente sofreu com o aumento de casos de Covid-19 ligados à variante Delta.

“A população em geral ainda tem que usar máscara e manter distanciamento, mas nesses eventos as pessoas estarão devidamente testadas e vacinadas, não haverá necessidade de usar máscara”, disse o secretário de Saúde da cidade, Daniel Soranz.

Aos poucos, a Prefeitura do Rio tem liberado a presença de torcida em estádios de futebol. Por enquanto, apenas boates, danceterias e salões de dança ainda não foram autorizados a retomar o funcionamento. No entanto, isso deve ocorrer em breve, segundo Soranz. “Já estamos vivendo o novo normal”, afirmou o secretário.

Lei sobre máscaras não afetará eventos teste no Rio de Janeiro

Durante a coletiva de imprensa, Soranz foi questionado sobre uma lei federal aprovada pela Câmara em 2020 que diz que o uso de máscara é obrigatório em locais fechados. O secretário disse que “não há limitação” para os eventos de outubro, de acordo com o entendimento da prefeitura.

Nesta quinta-feira (23), o Rio atingiu a menor taxa de ocupação de leitos hospitalares durante a pandemia, com 53% de ocupação e pouco mais de 500 pessoas internadas. Esse número chegou a 1.400 internados no auge da pandemia de Covid-19

Segundo a prefeitura, 99% das pessoas maiores de 18 anos que moram na capital fluminense estão vacinadas com a primeira dose do imunizante contra Covid-19, enquanto 66% completaram o ciclo vacinal.

O Rio, no momento, está vacinando adolescentes de 13 anos e aplicando a terceira dose em idosos e imunossuprimidos, além de vacinar com a segunda dose os adultos que ainda não completaram o ciclo vacinal.

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.