Quem precisa – ou não – entregar o Imposto de Renda 2021?

2

O Imposto de Renda 2021 começa no dia  1º de março e se encerra em 30 de abril. Mas, como saber se eu preciso – ou não – fazer a declaração? O Brasil 123 separou uma série de dicas para te ajudar em todo esse processo e não deixar o prazo passar. Portanto, continue a leitura para saber mais sobre!

Lembre-se: o importante é se informar agora, antes mesmo de começar. Não deixe para o último momento, principalmente se precisar pagar para que alguém lhe faça a declaração. 

Leia mais: Evite ESTES erros e fuja da malha fina do Imposto de Renda 2021

Quem precisa declarar o Imposto de Renda 2021?

  • Todos que receberam o salário acima de R$28.559,70 durante o ano de 2020. Neste valor entra as pensões, férias, honorários, comissões, receitas de automóveis e muitos outros;
  • Todos que receberam rendimentos isentos com a fonte superior a R$40.000,00 durante o ano de 2020 como salário-família, reembolso, uniformes e tudo o que foi fornecido de forma gratuita por uma empresa;
  • Quem recebeu qualquer valor devido a alienação de bens e direitos tais como bolsas de valores, mercadorias e outros;
  • Teve até o último dia do ano bens que somaram o preço de R$ 300 mil;
  • Todos que começaram a morar no país até dia 31.12.2020;
  • Aqueles que venderam imóveis, mesmo que usando a  regra de isenção do imposto de renda.
  • Quem exerce atividade rural e obteve e a renda bruta (sem descontar prejuízos) maior que  R$142.798,50;

Quem não precisa entregar a declaração do imposto atualmente?

  • Tenha o rendimento de R$1.999,18 ou inferior;
  • O valor todo de bens não ultrapassa de R$300.000,00;
  • Seja uma pessoa que depende de outra fisicamente mesmo que tenha renda porque o outro que irá declarar já irá sofrer com a tributação;
  • Aposentados que possuem mais de 65 anos e que vivem, exclusivamente, da aposentadoria.

Evite erros no momento de declarar

Existem alguns erros que devem ser evitados no momento de declarar o Imposto de Renda 2021 e não sofrer com o pente fino estatal, observe:

  • Revisar a digitação e não usar pontos para separar centavos, use sempre vírgulas;
  • Não declare o seu 13º porque é uma tributação exclusiva e não deve possuir o direito de restituição;
  • Use comprovantes em todas as receitas médicas;
  • Informe seus dependentes apenas uma vez, se for pai ou mãe separado, apenas aquele que possui a guarda da criança deve declarar. 

 

Veja Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.