Quarta-feira (25) foi iluminada para Fortaleza e Ceará

Equipes nordestinas conseguiram avançar nas competições da Conmebol.

0

O futebol cearense vive um momento muito especial em suas história. Com Fortaleza e Ceará juntos na elite do Brasileirão há pelo menos quatro temporadas, o ano de 2022 tem marcado o início de suas histórias continentais. Nesta quarta-feira (25), ambos venceram fora de casa e conseguiram classificações importantíssimas, tanto na Sul-Americana, quando na Libertadores.

Falando um pouco mais do Fortaleza, o Leão começou mal a Libertadores, mas se recuperou e chegou à última rodada precisando somente de um empate para se classificar às oitavas. Mesmo assim, os comandados de Juan Pablo Vojvoda fizeram um grande jogo contra os chilenos do Colo-Colo, venceram por 4 a 3 e confirmaram o segundo lugar do grupo.

Em jogo de portões fechados, o Leão aproveitou muito bem a ausência de pressão e chegou a estar vencendo por 4 a 1. Contudo, levou dois gols já na reta final da partida e sofreu uma leve pressão, mas tinha a vantagem do empate. Agora, o Fortaleza terá pelo menos um mês e meio para se recuperar no Brasileirão, visto que só somou um ponto e ocupa a lanterna.

Ceará
Fortaleza conseguiu reviravolta épica dentro do grupo. Foto: Bruno Oliveira.

Ceará termina a fase de grupos da Sul-Americana com 100% de aproveitamento

Depois de cair na fase de grupos da Sul-Americana do ano passado, o Vozão conseguiu superar seus traumas e avançou na edição atual. Aliás, não só avançou, como obteve a melhor campanha da primeira fase. Com isso, o Alvinegro terá a possibilidade de decidir todos os confrontos de mata-mata dentro de casa, na Arena Castelão.

Dito isso, vale lembrar que a situação do Vozão era parecida com a do Fortaleza, mesmo estando com 15 pontos conquistados. Isso porque, como o Independiente-ARG tinha 12 pontos, uma vitória por dois gols de diferença dos argentinos deixaria o Vozão eliminado, mesmo com 15 pontos conquistados.

No entanto, os comandados de Dorival Júnior não sentiram a pressão de estarem enfrentando o maior campeão da história da Libertadores e venceram por 2 a o, graças aos gols de Rodrigo Lindoso e Stiven Mendoza. Agora, os dois clubes do Ceará precisam reagir no Brasileirão, justamente para deixarem a zona de rebaixamento.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.