Produção de minério de ferro da Vale dispara 12% no segundo trimestre

Vendas da commodity saltam 23,1% no período, totalizando 67,2 milhões de toneladas comercializadas

0

A Vale continua tendo um desempenho bastante positivo em 2021. A saber, a mineradora encerrou o segundo trimestre deste ano com uma disparada de 12% em sua produção de minério de ferro na comparação com o mesmo período de 2020. Já em relação ao primeiro trimestre do ano, o avanço foi de 11%.

Esses resultados sucedem o crescimento de 14,2% registrado entre janeiro e março deste ano, na comparação anual. À época, a produção de minério de ferro havia totalizado 68,045 milhões de toneladas. Com o aumento observado no segundo trimestre, o montante passou para 75,7 milhões de toneladas. Os dados fazem parte do relatório divulgado nesta segunda-feira (19) pela mineradora.

De acordo com a Vale, a mina de Brucutu é a principal responsável pelo forte crescimento da produção no trimestre. Na mina, o que impulsionou o resultado foi a produção com alta sílica por processamento a seco. Segundo a mineradora, o momento atual deste mercado é muito favorável.

Além disso, a Vale também elencou outros fatores que impulsionaram o resultado no trimestre: aumento da produtividade no Complexo de Itabira, desempenho forte em Serra Leste, melhores condições climáticas em Serra Norte e elevação das compras de terceiros.

Vendas de minério de ferro também disparam no trimestre

A Vale também informou que as vendas de finos e pelotas de minério de ferro dispararam 14,2% em relação ao trimestre anterior, totalizando 74,9 milhões de toneladas. Isso aconteceu, principalmente, por causa do crescimento da produtividade da mineradora. Aliás, a produção de pelotas saltou 27,4% na comparação trimestral, somando 8,0 milhões de toneladas.

Em contrapartida, a produção de níquel acabado tombou 14,3% em relação ao primeiro trimestre, chegando a 41,5 mil toneladas. Da mesma forma, a produção de cobre caiu no trimestre (-3,9%), atingindo 73,5 mil toneladas. No entanto, estes resultados não afetaram a produção trimestral da mineradora, uma vez que possuem pouco impacto no resultado geral.

Por fim, a Vale explica que o bom desempenho no trimestre aconteceu graças à maior disponibilidade sazonal de pellet feed, que é o fino do minério de ferro. Ao mesmo tempo, a elevação da produção da planta de pelotização de Vargem Grande também impulsionou o resultado trimestral.

Leia Mais: Pandemia derruba índices europeus, que têm pior sessão do ano

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.