Presidente do PT diz ter ‘vontade de dar um tapa’ em manifestante contrária a Lula

No vídeo, é possível ver a presidente do PT, Lula e outros integrantes da cúpula do partido saindo de um elevador

0

Um vídeo que circula pelas redes sociais nesta quinta-feira (05) mostra a deputada federal Gleisi Hoffmann (PR), presidente nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), afirmando que tem vontade de “dar um tapa” em uma manifestante que protestou contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Lula critica Bolsonaro e diz que presidente ‘só atende os filhos” e “os milicianos” que o cercam

No vídeo, é possível ver a presidente do PT, Lula e outros integrantes da cúpula do partido saindo de um elevador. Na ocasião, uma mulher grita “Lula nunca mais!”. Na sequência, Gleisi Hoffmann responde a mulher com uma pergunta. “Por que você não vai embora? Saia!”, disse a deputada.

Na sequência, a mulher retruca a líder do PT dizendo: “você também nunca mais”. Em seguida, a política responde novamente, dizendo que o ato fez ela ter vontade de ir até a mulher e dar uma tapa nela. “Dá vontade de ir lá e dar um tapa”, afirmou.

Até o momento, não há como identificar quando o episódio ocorreu, sendo possível apenas notar que o caso aconteceu em um hotel. Há a suspeita de que o fato tenha sido registrado recentemente, pois Lula tem participado de eventos públicos durante a fase de pré-campanha e a presidente do partido tem marcado presença nesses encontros.

Atos de Lula

Nos últimos dias, Lula tem discursado em vários locais, dando início a sua campanha presidencial. No domingo (01), Dia do Trabalho, por exemplo, o ex-presidente esteve em São Paulo e fez um discurso contra o presidente Jair Bolsonaro (PL) e a favor da classe trabalhadora.

Na ocasião, ele também pediu desculpa aos policiais após ter dito que Bolsonaro não gosta de gente, mas sim dos agentes de segurança pública. “Quero aproveitar e pedir desculpa aos policiais desse país, porque, muitas vezes, cometem erros, mas muitas vezes salvam muita gente do povo trabalhador. Temos que tratá-los como trabalhadores nesse país”, disse Lula.

Leia também: Estadão e o Globo criticam falas de Lula: ‘calado é um poeta’

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.