Preço médio do gás de cozinha recua levemente na semana

Botijão de 13 quilos tem preço médio de R$ 112,18 no país; Rio de Janeiro continua com o menor preço do país, enquanto Rondônia tem o gás mais caro

0

preço médio do gás de cozinha no país chegou a R$ 112,18 na semana passada. De acordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), responsável pelo levantamento, o botijão de 13 quilos ficou 27 centavos mais barato que na semana anterior (R$ 112,45).

Embora tenha recuado na semana, o gás de cozinha agora acumula uma forte alta de 21,71% nos últimos 12 meses. No mesmo período do ano passado, o botijão de 13 quilos custava R$ 20 a menos que neste ano.

A ANP ainda revelou que alguns locais comercializaram o botijão de 13 quilos a preços bem mais salgados que a média nacional. A saber, o preço máximo pesquisado pela agência foi de R$ 160,00. Por outro lado, o menor preço registrado foi de R$ 84,99.

ETANOL EM QUEDA: SP e MG anunciam redução do ICMS sobre combustível

Ranking nacional do preço dos botijões

Nesta semana, o Rio de Janeiro permaneceu com o gás de cozinha mais barato do Brasil, custando R$ 100,44. Inclusive, o botijão de 13 quilos comercializado no estado fluminense foi o mais barato do país em todas as semanas de 2022.

Veja abaixo os locais com os menores preços do botijão de 13 quilos no país:

  • Rio de Janeiro – R$ 100,44
  • Pernambuco – R$ 102,98
  • Sergipe – R$ 105,58
  • Distrito Federal – R$ 106,09
  • Espírito Santo – R$ 106,30
  • Alagoas – R$ 107,27
  • Bahia – R$ 108,81

Em contrapartida, o botijão mais caro do país foi o de Rondônia (R$ 134,62). Aliás, o estado liderou o ranking nacional em apenas quatro semanas de 2022. Em todas as demais semanas, o gás de cozinha mais caro foi o do Mato Grosso, que continuou na segunda posição pela segunda semana consecutiva.

Abaixo estão as UFs que têm os preços mais elevados do gás de cozinha no país:

  • Rondônia – R$ 134,62
  • Mato Grosso – R$ 134,56
  • Acre – R$ 130,34
  • Amapá – R$ 124,67
  • Tocantins – R$ 124,24
  • Roraima – R$ 124,14
  • Santa Catarina – R$ 121,90
  • Pará – R$ 120,67

Restituição do Imposto de Renda 2022: veja quando consultar 3º lote

Norte tem gás de cozinha mais caro do país

Entre as regiões do país, a população do Norte é a que mais sofre com os preços do gás de cozinha. Nesta semana, três regiões brasileiras registraram queda nos preços do botijão de 13 quilos: Nordeste (-0,51%), Sudeste (-0,30%) e Centro-Oeste (-0,07%). Por outro lado, os preços subiram no Norte (+0,24%) e no Sul (+0,08%).

Com isso, o preço médio do gás de cozinha ficou da seguinte forma nas regiões do país:

  • Norte: R$ 123,22
  • Centro-Oeste: R$ 119,44
  • Sul: R$ 114,47
  • Nordeste: R$ 110,76
  • Sudeste: R$ 108,99

Por fim, vale destacar que a ANP também revela a variação do preço de paridade de importação nos principais portos do país. A saber, houve leve alta de 0,05% no Porto de Suape, mas o Porto de Santos não registrou variação na semana.

Leia também: Economia brasileira recua 0,8% em maio, aponta Monitor do PIB-FGV

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.