Está disponível o pré-cadastro do CadÚnico

Saiba como fazer virtualmente o pré-cadastro do CadÚnico

0

Agora é possível fazer um pré-cadastro do CadÚnico por meio do aplicativo da base de dados. A nova versão do app possibilita fazer um auto-cadastramento, e busca no mapa georreferenciado o ponto de atendimento mais próximo ao usuário.

Também será possível acessar os extratos dos benefícios, as notificações e a assistente virtual. Então, todas essas novidades, incluindo o pré-cadastro, contemplam cerca de 80 milhões de pessoas.

Como fazer o pré-cadastro do CadÚnico?

Para realizar o pré-cadastro, o responsável do grupo familiar precisa possuir uma conta no Gov.br. O login utilizado é o mesmo para acessar o app do CadÚnico. 

O sistema do Gov.br cruzará os dados vinculados ao CPF do responsável e, caso existam, exibirá alguns dos campos do formulário preenchidos com as informações disponibilizadas antes.

Para fazer o pré-cadastro, devem ser informados os seguintes dados:

  • Endereço;
  • Informações de contato;
  • Dados das pessoas que fazem parte da sua família.

Integrantes da família são todos os membros que moram na mesma residência e dividem rendas e despesas, incluindo crianças, idosos e aqueles que não são parentes.

Em caso de dúvidas, o cidadão pode clicar no ícone “?” para obter ajuda.

Segunda etapa do cadastramento

Após realizar pré-cadastro no aplicativo, a etapa seguinte precisa ser feita de forma presencial pelo responsável familiar no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) mais próximo do usuário. 

Caso não exista um CRAS em seu município, será necessário ir até a prefeitura. O prazo para ir até o posto de atendimento e completar o cadastro é de 120 dias.

No posto de atendimento, a equipe do CadÚnico irá confirmar os dados fornecidos no aplicativo e coletar mais informações sobre a família. Portanto, serão necessários os seguintes documentos dos familiares para preencher os dados pendentes:

  • CPF (de preferência); 
  • Título de eleitor;
  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento;
  • Por fim, a Carteira de identidade (RG).

O responsável familiar pode procurar o CRAS mais próximo pelo link MOPS (mds.gov.br). É importante alertar que o pré-cadastro no CadÚnico não garante a recepção dos benefícios sociais.

Quais benefícios posso ter direito por meio do CadÚnico?

A seguir, conheça quais os principais benefícios que os inscritos no CadÚnico têm acesso por meio do programa.

Auxílio gás dos brasileiros

O Vale Gás beneficia cerca de 5 milhões de famílias na compra do gás de cozinha. Os pagamentos são em torno de R$ 50 e são pagos junto com o Auxílio Brasil para famílias com renda mensal per capita menor ou igual a meio salário mínimo.

Tarifa Social de Energia Elétrica

Esse benefício permite um desconto na conta de energia elétrica das famílias de baixa renda cujo consumo de luz varia de 10% a 65%. Além de estar inscrito no CadÚnico, as famílias precisam preencher outro requisito, entenda:

  • Possuir um membro da família beneficiado pelo BPC; 
  • Ou ter renda mensal de até três salários mínimos (R$ 3.636) e ter algum membro portador de doença ou deficiência.

Outros benefícios

Desde janeiro o benefício se tornou automático para essa categoria de famílias. Não é mais necessário realizar cadastro no sistema. A mudança contempla 23,3 milhões de brasileiros. 

Por fim, os demais benefícios são:

  • Programa PETI;
  • Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais;
  • Carteira do Idoso;
  • Aposentadoria para pessoa de baixa renda;
  • Telefone Popular;
  • Carta Social;
  • Passe Livre para pessoas com deficiência;
  • Isenção de Taxas em Concursos Públicos.
3.7/5 - (3 votes)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.