Polícia prende, acusado por estupro, caçador que ajudou nas buscas por Lázaro Barbosa

O caçador, famoso ao se dispor a ajudar nas buscas pelo serial killer Lázaro Barbosa, foi preso acusado de estuprar uma adolescente de 16 anos

0

Agentes da Polícia Militar (PM) prenderam, na noite de segunda-feira (25), em flagrante, José Marcos Rodrigues Pereira, o Babaçu, que ficou conhecido por ter se disposto a auxiliar nas buscas pelo serial killer Lázaro Barbosa, morto depois de mais de duas semanas de procura.

Em nota, a PM revelou que o caçador, que apareceu em imagens ao lado de policiais que trabalharam nas buscas a Lázaro, em junho deste ano, foi preso em flagrante acusado de ter estuprado uma adolescente, de 16 anos, na cidade de São Miguel do Araguaia, no norte de Goiás.

De acordo com as investigações, antes de cometer o crime, Babaçu já assediava a adolescente. Todavia, no domingo (24), o homem foi atrás da garota novamente para ameaçá-la para que ela não contasse sobre os assédios. Durante a ameaça, ele acabou estuprando a moça, informou a polícia.

Por conta do crime, ele teria dito que iria tomar o celular da adolescente e também levá-la para longe caso ela “abrisse o bico”. Todavia, mesmo com a ameaça, a jovem resolveu ir até à polícia e denunciar que havia sido abusada pelo suspeito, que acabou sendo preso.

O caçador, famoso ao se dispor a ajudar nas buscas pelo serial killer Lázaro Barbosa, foi preso acusado de estuprar uma adolescente de 16 anos.
O caçador, famoso ao se dispor a ajudar nas buscas pelo serial killer Lázaro Barbosa, foi preso acusado de estuprar uma adolescente de 16 anos. (Foto: reprodução)

Segundo o delegado responsável pelo caso, Thales Feitosa, depois da captura, o homem foi encaminhado para a delegacia. No local, que não tem cela, o acusado tentou empreender fuga, mas não conseguiu. Para conter ele, que ainda ameaçou de morte os agentes que o prenderam, o caçador foi algemado em uma cadeira.

“Enquanto estava sob custódia na delegacia, o autuado tentou empregar fuga, porém foi contido por um servidor, instante em que o referido servidor ainda sofreu ameaças de morte por parte do detido”, explicou Feitosa.

Ajuda na caça por Lázaro

Babaçu ganhou “fama” em junho deste ano quando afirmou que iria ajudar na procura por Lázaro Barbosa, que protagonizou uma das caçadas mais longas dos últimos tempos.

Na ocasião, ele publicou vídeos dizendo que era acostumado a dormir e sobreviver na mata e, por isso, iria tentar encontrar Lázaro Barbosa. No entanto, mesmo se dispondo a ajudar, o auxílio do caçador foi dispensado pelas autoridades menos de dois dias depois das publicações.

Leia também: Polícia Civil impõe sigilo de 5 anos sobre operação contra Lázaro Barbosa

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.