Petrobrás reajusta preço do diesel. O que muda para você?

0

A partir dessa terça-feira (10) começa a valer o novo reajuste da Petrobrás para o diesel. Isso porque, após quase 60 dias sem aumento, a estatal mudou o preço do diesel para as refinarias, subindo 8,87%. Com isso, o litro passará de R$ 4,51 para R$ 4,91. Por outro lado, o preço da gasolina e do gás de cozinha seguem na mesma faixa de valores.

A empresa diz que o aumento busca manter a oferta do produto no mercado brasileiro. A Petrobrás afirma, também, que outras empresas que atuam no Brasil já reajustaram os preços e, por isso, há uma tendência de mercado para o aumento dos preços. Com o aumento do diesel, economistas dizem que toda a cadeia de suprimentos deve sofrer.

Não para de subir

O preço das commodities no mercado internacional não param de subir. Os problemas na oferta desses produtos estão afetando o mundo todo, principalmente por conta da guerra entre Rússia e Ucrânia. Na prática, existe menos petróleo no mundo para ser vendido. Por isso, o preço aumenta para as empresas, mas também aumenta para o consumidor.

Nessa segunda-feira, 9, o barril do petróleo Brent caiu 7,10% no mercado internacional. Contudo, ele segue cotado a patamares bastante altos, a US$104 o barril. O movimento vem acompanhado de uma queda generalizada nas bolsas mundiais, principalmente com o mercado digerindo a alta dos juros. Além disso, os países da OPEP+ não se comprometeram a aumentar a produção de petróleo, que faria os preços caírem. Por isso, os efeitos no diesel já eram esperados pelos economistas.

Contudo, o cenário pode ficar ainda pior. Segundo o UBS BB, o Brasil pode sofrer um desabastecimento de diesel nos próximos meses, caso a Petrobrás não aumente o ritmo de reajuste de preços. Com isso, não se descarta aumentos mais fortes nos próximos meses.

diesel
Foto: Reprodução

Como o diesel impacta sua vida?

O aumento do diesel não impacta apenas as pessoas que possuem carros movidos a esse combustível. Isso porque a alta desses preços faz com que toda a economia sofra e, por isso, até mesmo os produtos do supermercado começaram a ficar mais caros. Por isso, é hora de preparar o bolso para gastar mais.

O aumento do diesel de R$0,40 passa a valer a partir desta terça, 10, em todo território nacional. Por conta disso, encher o tanque ficará ainda mais caro. Isso serve para as pessoas comuns, mas também para as transportadoras. Por isso, o frete de alimentos, produtos e até mesmo de serviços ficará mais caro. O resultado é um impacto final para o consumidor, que poderá ser visto com o aumento de preços. Por conta disso, a inflação deve ficar ainda em patamares altos, ao contrário da previsão do próprio Banco Central em janeiro.

Com isso, economistas concluem que existem dois cenários possíveis no curto prazo. E nenhum deles é bom. O primeiro é o Brasil ter um valor ainda mais alto do diesel para evitar o desabastecimento. Por outro lado, caso haja intervenção de preços por parte da Petrobrás, o Brasil pode sofrer desabastecimento nos próximos meses.

 

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.