Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, está com Covid-19

O anúncio de Teresa Cristina, que tem 67 anos de idade e já recebeu as duas doses de vacina contra a Covid-19, foi feito em um vídeo, postado em suas redes sociais

0

Tereza Cristina, ministra da Agricultura, informou na tarde desta sexta-feira (24) que testou positivo para Covid-19. Ela é a segunda chefe de alguma pasta a anunciar que está com o vírus nesta semana. O outro foi Marcelo Queiroga, Ministro da Saúde.

Todavia, é importante lembrar que, diferentemente de Marcelo Queiroga, Teresa Cristina não fazia parte da comitiva que acompanhou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em sua viagem para Nova York, nos Estados Unidos, onde ele discursou na Assembleia-Geral da Organizações das Nações Unidas (ONU).

O anúncio de Teresa Cristina, que tem 67 anos de idade e já recebeu as duas doses de vacina contra a Covid-19, foi feito em um vídeo, postado em suas redes sociais. De acordo com a chefe da Agricultura, ela está se sentindo bem, mas cancelou todos seus compromissos e permanecerá em quarentena.

“Bom dia! Informo a todos que testei positivo para Covid-19. Estou bem. Cancelei meus compromissos presenciais e permanecerei em isolamento durante o período de orientação médica”, publicou a ministra.

Ministra da Agricultura, Tereza Cristina, defende união do Mercosul e União Europeia
O anúncio de Teresa Cristina, que tem 67 anos de idade e já recebeu as duas doses de vacina contra a Covid-19, foi feita em um vídeo, postado em suas redes sociais. (Foto: reprodução)

Membros do governo isolados

Atualmente, outros membros do governo também estão cumprindo quarentena. Estes, todavia, estão reclusos porque estiveram em Nova York e, assim, mantiveram contato com Marcelo Queiroga, que testou positivo quando tentava embarcar para o Brasil, mas foi barrado e hoje está isolado em um hotel na cidade americana.

Essa quarentena foi uma recomendação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que indicou que os integrantes da comitiva não saíssem de casa depois da chegada ao Brasil.

Nesse sentido, até mesmo Bolsonaro cumpre isolamento na residência oficial do Palácio da Alvorada. Outro que está em isolamento é o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), que participou da comitiva e anunciou nesta sexta (24) que está com Covid-19.

Além de Teresa Cristina e Marcelo Queiroga, pelo menos outros 13 ministros que fazem ou fizeram parte da gestão Bolsonaro já testaram positivo para o vírus. Tanto o presidente, que não se vacinou, quanto a primeira-dama, Michelle Bolsonaro, também já pegaram a doença.

Leia também: Covid-19: Bolsonaro diz que Michelle tomou vacina nos EUA; políticos criticam que não foi no Brasil

Veja Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.