Homem atira em si mesmo três vezes enquanto tentava matar um porco em MT

O caso aconteceu em uma chácara quando o suspeito, que estava com uma espingarda calibre 32, tentava matar o porco no chiqueiro de sua propriedade

0

Um caso curioso aconteceu na cidade de Jaciara, no Mato Grosso. Por lá, informou a Polícia Militar (PM), um homem, de 41 anos, foi internado em um hospital e depois levado para uma delegacia. Tudo isso, porque ele teria tentado matar um porco, mas, em vez disso, acabou atirando em si mesmo.

De acordo com a corporação, o caso aconteceu em uma chácara, na sexta-feira (15), quando o suspeito, que estava com uma espingarda calibre 32, tentava matar o porco no chiqueiro de sua propriedade. Ao todo, informou a PM, ele disparou, acidentalmente, contra o próprio corpo, dos tiros: um atingiu a perna esquerda do homem e os outros dois foram na perna direita.

Por conta dos disparos, ele precisou ser encaminhado para o Hospital Municipal de Jaciara e, por lá, recebeu o atendimento necessário, estando consciente quando deu entrada no local. Depois que foi liberado pelos médicos, ele foi encaminhado para a delegacia e, por lá, entregou sua espingarda, que não conta com registro, para as autoridades.

Por fim, a PM afirma que, por conta da falta de certificação, o homem deve responder em liberdade por posse ilegal de arma de fogo.

O caso aconteceu em uma chácara quando o suspeito, que estava com uma espingarda calibre 32, tentava matar o porco no chiqueiro de sua propriedade.
O caso aconteceu em uma chácara quando o suspeito, que estava com uma espingarda calibre 32, tentava matar o porco no chiqueiro de sua propriedade. (Foto: reprodução)

Também no Mato Grosso

Outro caso ocorrido no Mato Grosso foi registrado na cidade de Alto Taquari. Por lá, um casal que estava foragido, foi preso, na sexta (15), suspeito de ter matado Adailde Barbosa Pereira, uma mulher de 59 anos.

De acordo com a PM, os dois, um homem de 35 anos e uma mulher, de 50, mataram a vítima, no meio da rua, usando um pé de cabra, isso no domingo (10). Passados alguns dias, eles foram encontrados no veículo usado no dia do crime.

O carro com os acusados foi encontrado porque, no dia do crime, os agentes encontraram, na cena do homicídio, pedaços de documento de um veículo. Na sexta, informou a PM, chegou informação que o automóvel estava estacionado no pátio de um posto abandonado na cidade.

Ao chegar no local, os policiais encontraram o casal dormindo, ambos com várias lesões corporais aparentes. No veículo, os agentes encontraram o outro pedaço do documento encontrado na cena do crime e o casal, por conta das suspeitas, foi conduzido à Delegacia de Alto Taquari, onde acabou sendo autuado em flagrante pelo crime de homicídio qualificado.

No comunicado, a PM não revelou o que teria motivado o crime do casal, resumindo-se a informar que o caso, agora, será investigado pela Polícia Civil do Mato Grosso.

Leia também: Mulher é encontrada morta dentro de fossa após sair do Maranhão para encontrar namorado virtual no TO

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.