Grávida, adolescente de 16 anos é morta a tiros pelo companheiro no Ceará

A adolescente grávida tinha o desejo de terminar com o companheiro, mas ele não aceitava o fim do relacionamento

0

Um triste caso de feminicídio foi registrado na noite de domingo (09) na cidade de Fortaleza, capital do Ceará. Por lá, uma adolescente de apenas 16 anos, e que estava grávida, foi assassinada pelo companheiro, um jovem de 25. De acordo com as informações, após o crime, o suspeito tentou cometer suicídio, mas foi socorrido e preso.

Homem mata mulher a tiros após invadir posto de saúde em SP

Segundo uma reportagem da “TV Globo”, familiares da vítima afirmam que a adolescente estava se relacionando com o suspeito, identificado como Francisco Everton Lima da Conceição, há cerca de três meses. No entanto, nos últimos dias, a vítima estava tentando terminar o namoro com o acusado, que não aceitava essa decisão da moça. Por conta disso, o jovem decidiu ir até a casa da grávida e atirar contra ela e depois contra si mesmo.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que a adolescente grávida foi socorrida pelos seus familiares, mas acabou não resistindo e morreu, assim como o bebê. Ainda conforme a pasta, após o crime, agentes da Polícia Militar do Ceará (PMCE) estiveram no local e colheram as primeiras informações sobre o caso, que será investigado pela Polícia Civil.

Por fim, a informação é que Francisco Everton é um velho conhecido da Justiça, pois possui antecedentes criminais por homicídio e ameaça. Ele foi autuado pelo crime de feminicídio na Delegacia de Defesa da Mulher de Fortaleza (DDM).

A adolescente grávida tinha o desejo de terminar com o companheiro, mas ele não aceitava o fim do relacionamento.
A adolescente grávida tinha o desejo de terminar com o companheiro, mas ele não aceitava o fim do relacionamento. (Foto: reprodução)

Também no Ceará

Outro caso registrado no Ceará aconteceu em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza. Por lá, também no domingo, um agente da Polícia Civil foi assassinado dentro de casa. Edson Macedo, que tinha 41 anos, e atuava como escrivão, teria ido ao imóvel, que pertencia a ele e estava para alugar, depois de ter recebido informações de que um grupo de suspeitos estava na casa.

Chegando no local, informou a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ele de fato encontrou com bandidos, que atiraram no agente, que morreu e foi encontrado na sala do imóvel. Segundo a pasta, até o momento, uma pessoa acusada do crime foi presa. Este individuo é Michel da Costa, também conhecido por “Maikin”, de 18 anos. O meliante foi capturado em casa, na mesma região onde o crime ocorreu.

Leia também: Acidente em estrada do RS deixa cinco mortos, incluindo um bebê

Avalie o Artigo:
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.