Fundos imobiliários: o que são e como investir?

0

Se você busca receber dinheiro todos os meses sem fazer nada, os fundos imobiliários podem ser perfeitos para você. Isso porque eles são investimentos que remuneram os investidores mensalmente, sem que você precise perder tempo trabalhando com isso. Por isso, é uma excelente ideia saber como funcionam esses produtos.

Para isso, é importante lembrar que são ativos que podem variar para baixo. Com isso, você pode perder dinheiro no curto prazo, mas especialistas dizem que no longo prazo uma carteira diversificada de fundos imobiliários tende a dar bons lucros.

O que são os fundos imobiliários?

Fundos imobiliários são ativos listados em bolsa de valores que representam empresas que possuem imóveis ou ativos ligados a esse setor. Por isso, são empresas ligadas a aluguel de salas corporativas, prédios residenciais e até mesmo galpões que servem como centros de distribuição de empresas ligadas ao e-commerce.

Dessa forma, essas empresas compram todos os tipo de imóveis. Posteriormente, alugam eles para empresas interessadas em usar as salas. O valor do aluguel é distribuído igualmente para todos os cotistas do fundo. Por conta disso, a grande maioria dos fundos imobiliários paga um provento mensal para os investidores.

Além de fundos imobiliários com imóveis físicos, existem aqueles que, em vez de possuírem imóveis, possuem dívidas ligadas ao setor imobiliário. São empresas especializadas em comprar CRIs ou até cotas de outros fundos imobiliários. Nesse caso, são os chamados fundos de papel, que investem nos melhores produtos, com as melhores taxas e com a gestão de um profissional qualificado.

E para começar a investir nesses produtos, você não precisa ter milhões de reais. Pelo contrário, existem fundos imobiliários que são bem baratos. Muitas vezes você tem acesso a eles por um valor menor que o de uma refeição. Por isso, o importante é começar.

fundos imobiliários para investir esse ano - reprodução unsplash
Foto: Unsplash

Como começar nesse investimento?

Para começar com os fundos imobiliários, o primeiro passo é entender como eles funcionam a prática. Se você leu até aqui, esse passo está cumprido. Contudo, agora você precisa organizar as suas finanças para separar um valor mensal para investir nesses produtos. Além disso, é preciso entender em quais empresas você vai investir.

Para investir nos fundos imobiliários, você não precisa de muito. Com R$100,00 por mês você já pode comprar cotas de diversas empresas. Por isso, separe um valor do seu orçamento para investir nessas empresas e ter um rendimento mensal. Contudo, para saber quais comprar, o ideal é que você conte com a ajuda de especialistas. Dessa forma, você pode abrir uma conta em uma corretora e solicitar os relatórios de carteiras sugeridas. Todos os meses as corretoras atualizam os melhores ativos do mercado.

Após isso, basta comprar a empresa e esperar o início do mês. Com isso, você receberá os seus rendimentos na conta e, ao repetir esse passo todos os meses, você começará a acumular rendimentos cada vez maiores. E é exatamente por isso que os fundos imobiliários estão entre os investimentos preferidos dos brasileiros.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.