Fernando Diniz próximo de clube grande

Treinador estava fora do mercado desde o final de 2021.

0

O mercado de treinadores no Brasil vem mudando muito. Enquanto antigamente o técnico brasileiro adotava um estilo mais “paizão”, com a chegada de inúmeros estrangeiros, o treinador brasileiro muitas vezes está sendo deixado de lado no mercado. No entanto, Fernando Diniz sempre foi um nome que fugiu dessas características.

Com um estilo de jogo marcante, Diniz é a bola da vez para acertar com o Fluminense. Segundo informações do ‘GE’, o treinador deve assinar com o clube até a próxima segunda-feira (02). Isto é, tudo indica que iniciaremos a segunda passagem de Diniz no comando do Flu. Ele chegou a comandar o clube em 2019, mas não ficou por muito tempo.

Para quem perdeu a informação, o Fluminense perdeu seu técnico na última semana, ao ver Abel Braga entregar o cargo. A ideia era manter Marcão como interino, mas o negócio com Diniz deve ser fechado em questão de horas. Agora, veremos se ele terá tempo de desenvolver seu trabalho, já que é uma ruptura completa no estilo de jogo que o Nense vinha praticando.

Fernando Diniz São Paulo
Fernando Diniz comandou o São Paulo por 16 meses. Foto: Rubens Chiri.

Últimos trabalhos de Fernando Diniz

Tendo sido revelado para o futebol nacional após levar o Audax à decisão do Campeonato Paulista, Diniz já está no mercado há pelo menos seis anos. Logo depois do Audax, teve oportunidades no Athletico Paranaense e no próprio Fluminense, mas os inúmeros gols perdidos fizeram os trabalhos se encerrarem.

Dito isso, o grande trabalho da carreira de Diniz foi no São Paulo. Assumindo na reta final do Brasileirão de 2019, ele classificou o Tricolor diretamente para a Libertadores. No ano seguinte, em meio à parada por conta da pandemia de Covid-19, liderou o Brasileirão de maneira inesperada. No entanto, o São Paulo caiu de rendimento e acabou em quarto naquele campeonato.

Mesmo assim, Diniz permaneceu 16 meses no cargo e teve 55% de aproveitamento. Todavia, desde então ele não conseguiu desenvolver outro bom trabalho. Ficou quatro meses no Santos e deixou bastante a desejar em 2021. Já no Vasco da Gama, chegou já precisando fazer milagres na Série B. Como não conseguiu, durou apenas 12 jogos.

Avalie o Artigo:

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.