“Erro no app do FGTS” e “app FGTS fora do ar”: entenda o que aconteceu com o aplicativo

Usuários relatam problemas afirmando que há “erro no app do FGTS”

0

Erro no app do FGTS está criando uma fila virtual para os usuários conseguirem acessar o programa. Nesta quarta-feira (25), 3,4 milhões de trabalhadores receberam o Saque Emergencial e precisaram esperar pelo “atendimento”.

Os colaboradores em questão são os nascidos em agosto, que estavam programados para receber o FGTS a partir de hoje. Na internet muitos deles afirmam lidar com “erro no app do FGTS” e “app FGTS fora do ar”. 

Inicialmente a espera dura apenas alguns minutos. Entretanto, após ser direcionado para o atendimento o aplicativo apresenta um erro e é necessário reiniciar o processo. 

Outro problemas além do erro no app do FGTS

Além do problema enfrentado hoje, usuários também reclamam de fraudes e demora no depósito dos valores. Ao tentar migrar do “saque extraordinário” para o “saque aniversário” um usuário também se deparou com erros no aplicativo. 

“Nos momentos de maior volume de acessos (picos), o usuário pode ser direcionado para uma fila de espera momentânea, com o objetivo de garantir o acesso aos serviços para todos os brasileiros”, disse a Caixa Econômica.

Suspeitas de fraude

A respeito das suspeitas de fraude ou movimentações indevidas na conta do FGTS, a Caixa frisa que além do aplicativo, os clientes podem utilizar os telefones 4004-0104 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800-104-0104 (demais regiões).

De forma presencial, é possível comparecer a uma agência da Caixa Econômica para reclamações. Os usuários devem apresentar CPF e documento de identificação.

“A Caixa esclarece que aperfeiçoa continuamente os critérios de segurança de acesso aos seus aplicativos e movimentações financeiras, observando as melhores práticas de mercado e as evoluções necessárias ao observar a maneira de operar de fraudadores e golpistas”, responde a instituição.

Saque extraordinário

O saque extraordinário foi uma medida liberada pelo Governo Federal, em que é possível a retirada de R$ 1 mil para pessoas físicas e R$ 3 mil para microempreendedores. 

O saque extraordinário está sendo pago a todos trabalhadores por meio de conta-poupança digital, que será aberta pela própria Caixa Econômica. Aliás, é possível acessar essa conta também por meio de canal virtual:

Por meio do aplicativo é possível pagar boletos e contas. Assim como, fazer transferências e realizar compras online com o cartão de débito virtual e em lojas físicas com QR Code.

Qualquer trabalhador, com carteira assinada ou não, pode realizar o saque extraordinário no valor de até R$ 1 mil reais. Quem possui menos de mil reais pode sacar todo o valor. Já quem tem mais de mil reais, fica limitado a esse valor.

Calendário de pagamento

Os pagamentos ocorrem de acordo com o calendário da modalidade. Então, confira abaixo as datas: 

  • 20 de abril: Nascidos em janeiro;
  • 30 de abril: Nascidos em fevereiro;
  • 04 de maio: Nascidos em março ;
  • 11 de maio: Nascidos em abril ;
  • 14 de maio: Nascidos em maio;
  • 18 de maio: Nascidos em junho;
  • 21 de maio: Nascidos em julho;
  • 25 de maio: Nascidos em agosto;
  • 28 de maio: Nascidos em setembro;
  • 1 de junho: Nascidos em outubro;
  • 08 de junho: Nascidos em novembro;
  • 15 de junho: Nascidos em dezembro.

É importante estar atento às datas para fazer a retirada e caso identifique algum erro no app do FGTS, recorrer para descobrir se trata-se de algo logístico do app ou de uma possível fraude.

5/5 - (1 vote)

Sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.