Equipe de novo filme de Alec Baldwin já havia alertado sobre pouca segurança no set

De acordo com a investigação policial, o ator não sabia que a arma estava carregada

0

A equipe do novo filme de Alec Baldwin, ‘Rust’, já havia alertado sobre a pouca segurança no set de filmagens, antes da morte acidental de Halyna Hutchins, na última quinta-feira (21). De acordo com Amanda Petrone, que trabalhava como assistente de fotografia no longa, a produção simplesmente ignorou os pedidos dos funcionários.

Paolla Oliveira sobre canção feita em sua homenagem por Diogo Nogueira: “Muito afeto”

“Nós escrevemos sobre esse exato assunto ontem à noite e saímos (das filmagens) hoje de manhã. Isso não está em nenhum dos jornais. Chamaram quatro pessoas não sindicalizadas para nos substituir e tentaram colocar a polícia contra nós”, explicou a profissional, que também alertou a escassez dos testes de Covid-19 e falta de pagamentos.

Segundo o site Variety, membros do IATSE, sindicato dos funcionários de produção, alertaram, inclusive, pela falta de segurança na manipulação de armas. Apesar disso, eles não foram ouvidos pela produção e foram convidados a se retirar.

Outros funcionários, que não quiserem ser identificados, afirmaram que outro incidente com arma já teria ocorrido no último sábado (16). No caso, o dublê de Alec disparou uma arma que estava com balas reais, mas sem saber. Em uma mensagem de texto, um ex-contratado afirmou: “Já tivemos 3 disparos acidentais. Isso é superinseguro”,

Produção de ‘Rust’ nega as acusações

Os produtores de ‘Rust’, que estava sendo gravado em Santa Fé, no Novo México, se pronunciaram em comunicado sobre as acusações: “A segurança de nosso elenco e equipe é a principal prioridade da Rust Productions e de todos os associados à empresa. Embora não tenhamos sido informados de nenhuma reclamação oficial relativa à segurança de armas no set, estaremos conduzindo uma revisão interna de nossos procedimentos enquanto a produção é encerrada”.

“Continuaremos a cooperar com as autoridades de Santa Fé em sua investigação e oferecer serviços de saúde mental para o elenco e a equipe durante este período trágico”, finalizou a produtora.

Entenda o ocorrido

Alec Baldwin disparou uma arma cenográfica no set de filmagens de ‘Rust’, seu novo filme, e matou acidentalmente a diretora de fotografia Halyna Hutchins, de 42 anos de idade, em Santa Fé, no Novo México. O diretor do filme também foi atingido no ombro, mas foi liberado nesta sexta-feira (22).

Halyna chegou a ser socorrida e levada ao Hospital da Universidade do Novo México, mas não resistiu aos ferimentos. Ainda não se sabe como o acidente ocorreu, mas trabalha-se com a especulação de que a arma estivesse com balas de verdade, assim como no caso de Brandon Lee em ‘O Corvo (1993)’.

Testemunhas estão sendo interrogadas e a produção de ‘Rust’ foi interrompida, ainda de forma indefinida.

 

 

 

Veja também: Sammy Lee mostra rotina após reconciliação com Pyong: “Novo namorado”

 

Avalie o Artigo:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.